Pernambuco 247Voltar para CAPA do 247

Humberto cobra do governo dados sobre intervenção no Rio

Ricardo Stuckert Filho:

Integrante do Conselho da República, órgão previsto na Constituição para tratar de temas de gravidade para o País, o senador Humberto Costa (PT-PE) apresentou requerimentos à Presidência da República para saber quais foram os motivos que levaram o governo Temer a intervir na segurança do Rio, quanto será gasto, de onde sairá o dinheiro e qual o resultado das operações militares lá realizadas, entre outras dúvidas; “Na reunião do Conselho da República com Temer e seus ministros, na última segunda, perguntei se houve crescimento da violência no Rio que justificasse a medida. Ninguém soube responder na hora”

Jorge Côrte Real é cogitado para assumir Ministério do Trabalho

will shutter:

O deputada federal Jorge Corte Real (PE) é um dos nomes cotados do PTB para assumir o Ministério do Trabalho, após a legenda desistir de indicar a deputada federal Cristiane Brasil (PTB-RJ) para a pasta. A possibilidade de a parlamentar assumir o cargo causou grande desgaste ao governo Temer; Cristiane enfrenta processos na Justiça do Trabalho, teve o nome incluído no Banco Nacional de Devedores Trabalhistas (BNDT) e é suspeita de associação ao tráfico; além do parlamentar pernambucano, o deputado federal Alex Canziani (PR) é outro nome cogitado pelo PTB para assumir a pasta

SES descarta circulação do vírus de febre amarela em Pernambuco

Arquivo Agência Brasil: <p>Mosquito Aedes aegypti, responsável pela transmissão dos vírus da dengue, febre chikungunya e Zika</p>

Embora tenha sido confirmado o primeiro caso de febre amarela em Pernambuco, a Secretaria de Saúde do Estado (SES) descarta a existência da circulação do vírus no estado. Segundo a SES, o morador de Bezerros que teve a doença confirmada, adquiriu o vírus em São Paulo. O paciente recebeu alta médica no dia 29 de janeiro. A Secretaria de Saúde informou ainda que a partir da próxima semana, o próprio Laboratório Central de Pernambuco (Lacen-PE) vai começar a realizar os exames sorológicos para a febre amarela, diminuindo o tempo de espera pelos resultados    

Humberto: começa a existir aquela sombra de medo

Moreira Mariz-Ag Senado:

O líder da Oposição no Senado, Humberto Costa (PT), criticou a ausência da faixa presidencial no personagem "Vampirão", da escola de samba Paraíso do Tuiuti; "Com disse o nobre jornalista Fernando Brito, claro que a faixa é uma irrelevância. Mas a misteriosa ordem para tirá-la, é. Revela que começa a existir aquela sombra de medo que, ao se projetar sobre as pessoas comuns, aumenta o tamanho das almas minúsculas do autoritarismo", escreveu o petista no Twitter

Ministro viaja em avião da FAB e curte camarote no Carnaval de Olinda

Wilson Dias/Agência Brasil: <p>Brasília - Entrevista do ministro da Educação, Mendonça Filho (Wilson Dias/Agência Brasil)</p>

O atual ministro da Educação, Mendonça Filho (DEM-PE), utilizou um avião da FAB para cumprir agenda oficial em Recife (PE); entre um compromisso e outro, o democrata tirou uma folga para curtir camarotes nos carnavais de Olinda e da capital pernambucana, onde curtiu o sábado (10) de Carnaval no camarote oficial do Galo da Madrugada; o democrata também compareceu ao Carvalheira na Ladeira, um dos camarotes mais badalados da folia de Olinda

‘Não permitiremos o uso de uma intervenção como peça publicitária desse governo medíocre’

Marcos Oliveira-Ag Senado:

O líder da Oposição, Humberto Costa (PT-PE), voltou a bater no governo de Michel Temer, após o anúncio do decreto prevendo a intervenção das Forças Armadas na segurança pública do estado do Rio de Janeiro; “Integro o Conselho da República e estou acompanhando de perto a intervenção federal no RJ. Queremos a restauração da segurança para o bem da população, mas não permitiremos o uso de uma intervenção como peça publicitária desse governo medíocre de Temer”, escreveu o petista no Twitter

Lula recebe Paulo Câmara e família Campos

Foto: Ricardo Stuckert:

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva recebeu nesta quinta-feira (15) a visita do governador de Pernambuco, Paulo Câmara, de Renata Campos e João Campos, esposa e filho de Eduardo Campos; eles conversaram sobre o cenário político brasileiro e a criação de uma frente para discutir pontos em comum para a superação da atual crise política pela qual passa o Brasil

Chico Alencar: Villas Boas quer anistia para abusos na intervenção do Rio

:

"Perigosíssima e desgastante para ele", diz o deputado federal Chico Alencar (Psol-RJ), ao avaliar o posicionamento do comandante do Exército, o general Eduardo Villas Boas, que pediu "garantia para agir sem o risco de surgir uma nova Comissão da Verdade", na reunião do conselho da República sobre a intervenção federal no Rio; o parlamentar vê a declaração como uma  tentativa de buscar uma anistia prévia para as ações nos morros é “um absurdo”. “Ele diz que é meio inevitável o arbítrio, a tortura, a violência injusta e quem sabe a morte nesta operação”, disse Alencar à Rádio Folha (PE)

Humberto: “Temer está bolsonarizando o governo”

Marcos Oliveira-Ag. Senado:

Após participar da reunião do Conselho da República sobre a intervenção no Rio, o líder da Oposição no Senado, Humberto Costa (PT-PE), afirmou que a medida poderá se alastrar por outros estados com índices de violência piores do que os fluminenses; “Temer está bolsonarizando o governo atrás de apoio na opinião pública de direita e extrema direita”, disse; “as Forças Armadas estão sendo usadas com propósito nitidamente político”

MÍDIA

Safatle: poder civil-militar paira sobre o Brasil

: <p>Vladimir Safatle</p>

"Em uma democracia em colapso, como a do Brasil, o recurso às Forças Armadas para preencher o vazio do poder do governo civil é um convite à extensão de seu domínio em outras esferas ou, ainda, um convite à constituição de um monstruoso poder civil-militar que parece agora pairar sobre a sociedade brasileira. (...) Isso expressa a nova permeabilidade do poder civil à presença militar, como se o Brasil estive dando paulatinamente forma a um regime híbrido no qual a força militar aparecerá como uma espécie de poder moderador a ser sempre consultado e sempre pronto a entrar em operação para colmatar a falência da gestão social brasileira", escreve Vladimir Safatle

Revista Brasil 247

Edição #197

Revista do dia

'Revista Oásis - Edição #362

Colunistas

Colunista

Segurança Pública e pacto democrático

Walter Sorrentino

Rio, cidade que é caixa de ressonância nacional, está no descalabro político-administrativo. O crime organizado infiltrou-se nas instituições e a insegurança pública é galopante. O povo do Rio não merece essa situação, clama por soluções urgentes contra a violência, com razão. Não é possível deixar de se solidarizar com os cariocas

Colunista

Corrupção se combate pelo exemplo

Celso Raeder

O combate à corrupção nunca esteve tão em moda no Brasil. São muitos os motivos que justificam o sentimento de impunidade, mas quero destacar um, que considero a mãe de todas as desconfianças: a seletividade

Colunista

Notícia alvissareira: esquerda dá um passo rumo à unidade

José Reinaldo Carvalho

Em meio a tantas vicissitudes, desencontros, expressões de desânimo e confusão política e ideológica próprios de um momento de defensiva das forças democráticas e populares, um fato alvissareiro: o lançamento de um programa político, com projeção tática e estratégica, pelos partidos PCdoB, PT, PSOL e PDT

Colunista

Em defesa da liberdade de ensino e da Constituição

Fátima Bezerra

Demonstrando desconhecer os tópicos e a bibliografia da mencionada disciplina e os princípios constitucionais, Mendonça Filho reagiu como um censor em tempos de ditadura civil-militar ou como um militante do MBL a reivindicar uma escola sem partido, ou seja, uma escola desprovida de pensamento crítico

Colunista

Tem certos dias….

Washington Luiz de Araújo

Ambas chocantes, as fotos levam a gente a várias reflexões e revolta. fico pensando no trauma destas crianças confrontadas desta forma. Estes caras estão preparados para enfrentar criminosos se não sabem nem discernir criança de bandidos? 

Colunista

Vencemos uma batalha...

Paulo Paim

O governo federal suspendeu a proposta de emenda à Constituição da reforma da Previdência. Ele sentiu o calor das ruas contra essa verdadeira barbárie que iria liquidar com o direito da aposentadoria e matar os sonhos da nossa juventude

Colunista

Segurança se faz com gestão; e não com intervenção

Durval Ângelo

O governo Pimentel demonstra que segurança pública se faz com gestão e investimentos, e não com intervenção.É bom lembrar que o “vampiro” congelou os gastos públicos por 20 anos, impondo cortes de recursos imprescindíveis à segurança pública e a programas sociais. A crise que assola o Rio é reflexo disso

Colunista

Lava jato já respira por aparelhos

Esmael Morais

Nesta nova pauta — de guerra ao ‘crime’ — não o de colarinho branco — não há espaço algum para a lava jato. Por isso a força-tarefa do juiz Sérgio Moro respira por aparelhos. Portanto, a operação de hoje pode ser apenas um dos últimos espasmos

Colunista

STF volta a sinalizar com habeas corpus favorável ao ex-presidente Lula

Esmael Morais

O STF acenou fortemente  pela concessão de habeas corpus a Lula. Dois eventos, embora não digam a respeito do caso do petista, sinalizam nesta direção: concessão de habeas corpus coletivo para mães e gestantes presas e a pressão de ministros para que Carmén Lúcia paute em plenário a discussão sobre prisão após segunda instância

Colunista

Viva a Tuiuti

Sebastião Costa

Nesses tempos bicudos de Moro e Dallagnol, TRF e Supremo, Cunha, Temer, Aécio, Geddel, Jucá... golpe, intervenção militar, um carnavalzinho pra descontrair cai muito bem, até porque ninguém é de ferro e melhor ainda, um carnaval diferenciado, com a avenida carregada de novidades, repleta de audácia e irreverência da Paraíso do Tuiuti

Colunista

Alckmin deixa Doria ser candidato ao governo, mas não necessariamente para ganhar

Renato Rovai

Nesta terça (20), o PSDB de São Paulo aprovou a antecipação das prévias para a candidatura ao governo do Estado.  Num lance muito mais inteligente do que a interpretação dos analistas, Alckmin fez parecer ter fechado com Dória, mas ao fim e ao cabo fechou foi com ele próprio. O prefeito vai se desincompatibilizar no final do mês que vem. E a prefeitura passará às mãos de Bruno Covas, que tem sido fiel escudeiro do prefeito, mas que de origem é mais fiel ao governador

Colunista

Generais negros!

Ângelo Cavalcante

O exército brasileiro intervem firme com "autorização para matar" e atualiza a lei de segurança nacional! É golpe renovado com ares de empreendimento democrático e (pasmem!) fora aprovado, inclusive, pelo parlamento federal! Não é detalhe menor o fato de partidos historicamente anunciados como trabalhistas terem votado em bloco pela intervenção

Colunista

Meu corpo, minhas regras

Lelê Teles

É meu este corpo? Por todos os lados eu vejo grilhões, baraços, algemas. A sociedade me aprisiona e se apropria do meu corpo. É ela quem impõe os padrões éticos e estéticos para moldar meu corpo. Você tá feliz com o corpo que tem? Você só será feliz com o corpo que a sociedade quer que você tenha e ela nunca está satisfeita!

Colunista

Rio de Janeiro, tão longe do céu, tão perto da Globo

Edison Brito

Não podemos subestimar o Michel Temer. Ele deve ser levado muito a sério. Afinal, o traidor é um constitucionalista. Deu aula na PUC. Teoricamente conhece muito da carta magna, certo? Bem, a intervenção no Rio de Janeiro faz parte desse processo de garantia de continuidade do golpe. Rio, tão longe do céu, tão perto da Globo

Colunista

Temer, CNBB e a violência

Nilto Tatto

Cruel e sempre assustadora, a violência se manifesta em diferentes faces. E no cerne de sua expressão, a vida e a dignidade das pessoas, sobretudo entre os mais vulneráveis, são violadas constantemente. Temer adota um álibi de combate à violência que não se sustenta com essa infame intervenção no Rio de Janeiro, uma vez que o estado está longe de figurar entre os primeiros lugares nesse lamentável ranking

Colunista

CESP pode ser privatizada por Alckmin nos próximos dias

Luiz Henrique Dias

Responsável por 1,65 gigawatts de potência instalada em três usinas, a empresa é vista como muito lucrativa - a Bovespa tem mostrado isso com fortes altas das ações sempre que o governo paulista fala na venda da CESP; a gestão Alckmin chegou a agendar um leilão para 2017, mas inseguranças jurídicas quanto a renovação dos contratos de energia por parte do governo Temer atrapalharam os planos; a previsão é de publicação do novo edital de privatização até abril 

Colunista

O RJ merece mais democracia e empregos

Izídio de Brito Correia

A saída para o RJ é complexa, mas passa pela necessária intervenção democrática com a convocação de novas eleições gerais para restaurar a autoridade governamental e civil no Estado. Também será fundamental uma intervenção social com o retorno de investimentos nas áreas da saúde, educação e segurança pública

Fechar