CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
Brasília

300 pessoas se despediram de David Meira

O jogador da equipe sub-22 do Uniceub/BRB/Brasília foi enterrado na tarde desta segunda-feira, depois de lutar pela vida durante de dez na UTI do Hospital de Base; durante um treino, a tabela de basquete caiu em cima do atleta

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

✅ Receba as notícias do Brasil 247 e da TV 247 no canal do Brasil 247 e na comunidade 247 no WhatsApp.

Brasília 247 – Com muita emoção, familiares, colegas, e admiradores do trabalho de David Meira, de 19 anos, acompanharam o velório e enterro do atleta. Exatamente dez dias depois de ser atingido pela tabela de basquete, que caiu enquanto enterrava uma bola, o jogador faleceu em razão dos traumas sofridos no dia, agravados por uma pneumonia. 

A saúde de David começou a piorar na quinta-feira 19, quando teve falência renal e a família conversou com os médicos por mais de três horas. Desde então, a família contou que estava tentando se preparar para o pior.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Além das pessoas próxias ao jogador, a cidade que está acostumada a ser feliz com o basquete, traz a tristeza no rosto desde domingo, quando às 0h30 faleceu o jovem. Entre os amigos de David Meira nas redes sociais não faltam homenagens, mensagens de força à família, ou simplesmente perfis que vestiram o luto pela morte do atleta.

O enterro foi no ginásio de Sobradinho, cidade-satélite do Distrito Federal, onde morava o jovem. Depois de seis horas nas quais cerca de 300 pessoas passaram para se despedir do atleta, o corpo foi carregado pelo pai, Márcio Meira, e por membros do Exército, em direção ao cemitério da cidade. David prestou serviço militar em 2011 e tinha sido dispensado para poder participar da equipe sub-22 do Uniceub/BRB/Brasília.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Representando o governador Agnelo Queiroz, o governador em exercício, Tadeu Filippelli, junto com o secretário de Esporte, Célio Rene, também estiveram no velório.

Rossi, ala do time principal do Brasília, Hildeamo Oliveira, fisioterapeuta da equipe, Bruno Savignani, auxilar técnico, e Ronaldo Pacheco, treinador de David compareceram ao enterro para se despedir do colega. "É uma perda muito grande. Ele (David) lutava muito pelos seus sonhos. Vamos ter 13 jogadores no time. O David vai continuar junto com a gente", contou Pacheco.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

A Polícia Civil investiga o caso e espera o laudo da perícia para saber se houve algum tipo de negligência ou se o caso foi um acidente. O documento pode ser entregue até o dia 13 de agosto, mas há esperança de que seja concluído ainda nesta semana.

A família informou que vai aguardar as investigações para decidir se vai ou não entrar na Justiça.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Com informações da Band News e Correio Braziliene.

 

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

iBest: 247 é o melhor canal de política do Brasil no voto popular

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

Carregando...

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Carregando...

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO