Alexandre de Moraes manda governo Bolsonaro retomar divulgação completa da Covid-19

O ministro Alexandre de Moraes, do STF (Supremo Tribunal Federal), determinou que o governo Bolsonaro retome a divulgação na íntegra dos dados globais sobre o coronavírus no país. A decisão responde ao pedido feito pelos partidos Rede Sustentabilidade e PCdoB

www.brasil247.com - Ministro Alexandre de Moraes, do STF 21/02/2017
Ministro Alexandre de Moraes, do STF 21/02/2017 (Foto: REUTERS/Adriano Machado)


247 - O ministro do STF Alexandre de Moraes ordenou a imediata divulgação na íntegra de todos os dados nacionais sobre o coronavírus nos relatórios apresentados pelo ministério da Saúde. 

A reportagem do jornal Folha de S. Paulo destaca que “desde a semana passada, o governo tem sido alvo de críticas por atrasar a divulgação dos dados sobre a pandemia no Brasil. Além disso, o acumulado deixou de informado e passaram a ser publicados apenas os casos registrados na últimas 24 horas. Moraes, na decisão, mandou o governo retomar a divulgação no formato anterior. Na decisão liminar (provisória), o ministro ordenou que o ministério faça a divulgação "exatamente conforme realizado até 4 de junho". Portanto, sem a alteração anunciada pelo ministério nesta segunda.”

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

A matéria ainda acrescenta que “mais cedo, o Ministério da Saúde recuou e anunciou que vai manter disponíveis os números acumulados de mortes e de casos confirmados da Covid-19. No entanto, a pasta também confirmou que vai promover uma mudança na divulgação, dando destaque aos dados efetivamente ocorridos nas últimas 24 horas.”

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Cortes 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email