Brasília além do óbvio

Vdeo veiculado em TVs e aeroportos quer mostrar que a cidade muito mais que a poltica



✅ Receba as notícias do Brasil 247 e da TV 247 no canal do Brasil 247 e na comunidade 247 no WhatsApp.

Brasília 247 — Esqueça a imagem do Congresso, da Esplanada dos Ministérios ou da Praça dos Três Poderes. Em um vídeo de pouco mais de 2 minutos, Brasília é retratada de ângulos que, às vezes, passam despercebidos por quem visita a cidade, em face da quantidade de escândalos políticos a que é relacionada. A capital é apresentada partir dos esportes, da gastronomia e da música. Há sequências no Mercado Municipal de Brasília, em um conhecido pub e de pessoas praticando wake surf no Lago Paranoá. O filme também relembra o título de Patrimônio Mundial, concedido a Brasília em 1987 pela Unesco.

O vídeo, encomendado pela Secretaria de Turismo, está sendo veiculado desde o fim de novembro em canais de TVs abertos e nos aeroportos de São Paulo, Belo Horizonte, Rio de Janeiro e no próprio aeroporto de Brasília. Trata-se de uma tentativa de ampliar a vocação turística da cidade, que hoje é essencialmente voltada para o turismo de negócios.

A ação promocional visa a prolongar o tempo de estada dos visitantes na cidade. Assim, em vez de passar apenas um ou dois dias na cidade, os visitantes programariam mais um dia para conhecer Brasília. A escolha das capitais da Região Sudeste não foi à toa, já que são elas que mais enviam visitantes para cá.

continua após o anúncio

Os brasilienses também são foco da ação. Segundo um levantamento interno da Setur, as pessoas que moram aqui não sabem das opções de lazer que a cidade oferece. Além disso, é uma forma de o governo fazer as pazes com os habitantes. Isso porque um argumento implícito no vídeo é o de que a população não é culpada pela corrupção nas esferas de poder.

O filmete “ Brasília, Patrimônio Mundial” deve ser exibido até o final deste ano. No making of do vídeo, o editor Pedro Bedê diz que as gravações duraram quatro dias e foram utilizadas 29 locações. O material bruto total tem 25 horas, foi reduzido a duas horas e, então, a dois minutos.

continua após o anúncio

Também no making of, o diretor de cena Cesar Netto conta que se preocupou em conquistar o público local. “O maior desafio foi contar uma história agradável principalmente para quem mora aqui”, diz.

O Brasília 247 ligou na Secretaria de Publicidade do GDF para saber quanto foi gasto na produção do filme, mas não houve retorno até o fechamento da reportagem.

continua após o anúncio
continua após o anúncio

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

continua após o anúncio

Ao vivo na TV 247

Cortes 247