Comércio do DF cresce 5,88% em março

Fecomrcio mostra que setor de comrcio e servios apresentaram desempenhos diferentes no ms passado; enquanto o comrcio cresceu o setor de servios apresentou queda de 8,44%

Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Brasília 247 – A pesquisa conjuntural de Micro e Pequenas Empresas, divulgada pelo Instituto Fecomércio, apresenta uma enorme diferenciação entre os setores de comércio e serviços do Distrito Federal no mês passado.

O setor de comércio registrou um aumento de 5,88% nas vendas em comparação com fevereiro. Já o setor de serviços apresentou queda de 8,44% em março frente ao mês anterior.

Na avaliação do presidente do Sistema Fecomércio-DF, Adelmir Santana, o desempenho do comércio pode ser considerado normal para este mês. Já a queda nas vendas em serviços está relacionada ao efeito sazonal. “A queda expressiva do setor de serviços pode ser atribuída ao final da temporada de férias e, consequentemente, a redução das vendas nos segmentos de turismo se torna inevitável”, avalia Santana.

Os aumentos mais significativos no comércio foram observados nos segmentos de Autopeças e Acessórios (16,33%), Floricultura (13,64%), Tecidos (12,56%) e Utilidades Domésticas (11,92%).

No setor de serviços, as maiores altas foram registradas nos segmentos de Salão de Beleza (10,36%) e Petshop (8,66%). A pesquisa consultou 600 empresas, sendo 527 do comércio e 73 de serviços.

Com informações da Fecomércio.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email