HOME > Brasília

Delegação do PT vai ao continente asiático fortalecer intercâmbio com o Partido Comunista Chinês

De acordo com a Secretaria de Relações Internacionais do PT, a agenda consiste em visitas de projetos de interesse comum como desenvolvimento sustentável e redução de pobreza

Embaixador Zhu Qingqiao (ao centro), durante recepção à presidenta Gleisi Hoffmann, secretários Romenio Pereira e Saulo Dias, com assessores do PT e conselheiros da embaixada chinesa (Foto: Divulgação)

✅ Receba as notícias do Brasil 247 e da TV 247 no canal do Brasil 247 e na comunidade 247 no WhatsApp.

247 - Uma delegação do Partido dos Trabalhadores, chefiada pela deputada federal Gleisi Hoffmann (PR), presidenta nacional do partido, viaja para a China no próximo domingo (8), onde os integrantes vão participar do VII Seminário Teórico PCCh-PT, a convite do Partido Comunista Chinês. O seminário será realizado entre os dias 8 a 20 de abril. A parceria entre os dois partidos completa 40 anos em 2024.

De acordo com a Secretaria de Relações Internacionais do PT, a agenda consiste em intercâmbio de experiências, debate de pautas, visitas de projetos de interesse comum como desenvolvimento sustentável, redução de pobreza, proteção do meio ambiente, entre outros.

O secretário de Relações Internacionais do PT, Romenio Pereira, coordena a delegação, formada por representantes de todas as regiões do Brasil, 8 deputados e deputadas federais, 7 deputados e deputadas estaduais, além de 13 lideranças do partido, entre eles, Valter Pomar, membro do Diretório Nacional e diretor da Fundação Perseu Abramo e Monica Valente, membro da Executiva Nacional e secretária Executiva do Foro de São Paulo.

Em comemoração à realização do VII Seminário Teórico PCCh-PT, o embaixador da China no Brasil, Zhu Qingqiao, recebeu para um almoço em sua residência a presidenta Gleisi Hoffmann, o secretário Saulo Dias (Smad), além dos assessores José Zunga e Igor Oliveira e os conselheiros da embaixada, Jia Chen e Gui Lin.

iBest: 247 é o melhor canal de política do Brasil no voto popular

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

Relacionados