'Esqueceu de combinar comigo', diz Aras sobre Bolsonaro defender arquivamento de inquérito

A nota de Jair Bolsonaro foi divulgada no mesmo dia em que o ex-capitão fez uma visita surpresa à sede da Procuradoria-Geral da República (PGR), comandada por Augusto Aras

www.brasil247.com -
(Foto: Leonardo Prado/MPF)


247 - O procurador-geral da República, Augusto Aras, afirmou que ficou desconfortável com a nota emitida por Jair Bolsonaro defendendo arquivamento do inquérito que investiga uma possível intervenção política na Polícia Federal. A nota foi divulgada no mesmo dia em que o ex-capitão fez uma visita surpresa à sede da Procuradoria-Geral da República (PGR). 

"Ocorre que é uma declaração unilateral. O presidente esqueceu de combinar comigo", disse Aras em entrevista ao programa Conversa Com Bial. 

O chefe da PGR minimizou a declaração de Bolsonaro, que, segundo o procurador, é "muito espontâneo e tem convicções próprias". 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

"Ele chegou ao mais alto grau da hierarquia política do Brasil. Imagine se eu ou qualquer outra autoridade pode controlar o que diz o senhor presidente? A liberdade de expressão é o primeiro dos princípios e chega a ser levado ao primeiro dos valores da Constituição", complementou. 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O conhecimento liberta. Quero ser membro. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Cortes 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email