Guedes fala em novo tributo e é interrompido e retirado de coletiva por ministros

Em coletiva de imprensa, o ministro da Economia, Paulo Guedes, falou em nova tributação, mas foi interrompido pelo líder do governo na Câmara, Ricardo Barros, e pelo secretário de Governo, general Luiz Eduardo Ramos

www.brasil247.com -
(Foto: Reprodução / CNN)


247 - Em coletiva de imprensa, o ministro da Economia, Paulo Guedes, falou em nova tributação, mas foi interrompido pelo líder do governo na Câmara dos Deputados, Ricardo Barros, e pelo secretário de Governo, general Luiz Eduardo Ramos. 

Eles pressionaram Guedes a terminar sua fala e o escoltaram antes que ele pudesse esclarecer as perguntas da imprensa. O general puxou-o pelo ombro após Barros ficar interrompendo o ministro.

Guedes falava em criar um “programa de substituição tributária”. “Temos que desonerar a folha”, disse o ministro. Ao ser interrompido e retirado da coletiva, disse, ao ser escoltado, que “agora tem articulação política” e fez um gesto aos jornalistas indicando que não poderia mais falar sobre isso.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Assista:

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O conhecimento liberta. Quero ser membro. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Cortes 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email