Janot se encontrou com Jucá em Brasília?

Rumor de um encontro reservado entre o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, e o líder do governo Temer no Congresso, Romero Jucá (PMDB-RR), que pretendia "estancar a sangria da Lava Jato", agita as redes sociais neste domingo 12; eles teriam almoçado juntos por volta de 16 horas

Rumor de um encontro reservado entre o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, e o líder do governo Temer no Congresso, Romero Jucá (PMDB-RR), que pretendia "estancar a sangria da Lava Jato", agita as redes sociais neste domingo 12; eles teriam almoçado juntos por volta de 16 horas
Rumor de um encontro reservado entre o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, e o líder do governo Temer no Congresso, Romero Jucá (PMDB-RR), que pretendia "estancar a sangria da Lava Jato", agita as redes sociais neste domingo 12; eles teriam almoçado juntos por volta de 16 horas (Foto: Gisele Federicce)

247 - Circula nas redes socais rumores de um encontro que teria acontecido entre o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, e o líder do governo Temer no Congresso, Romero Jucá (PMDB-RR), neste domingo 12.

Eles teriam almoçado juntos em restaurante de uma área nobre de Brasília por volta de 16 horas. Janot estaria acompanhado da esposa, e Jucá, da filha.

O senador Jucá foi quem expôs seus planos de "estancar a sangria da Lava Jato" em uma conversa por telefone com Sergio Machado, ex-presidente da Transpetro. A gravação foi a maior prova de que o golpe que tirou Dilma Rousseff do poder tinha como objetivo livrar Michel Temer e seus aliados de denúncias de corrupção.

No último dia 6, Janot pediu ao Supremo Tribunal Federal a abertura de um inquérito contra os senadores José Sarney (PMDB-MA), Renan Calheiros (PMDB-AL) e Romero Jucá, além de Sérgio Machado, por tentativa de atrapalhar a Lava Jato. O pedido foi autorizado pelo ministro Edson Fachin na última quinta-feira 9.

Conheça a TV 247

Mais de Brasília

Ao vivo na TV 247 Youtube 247