Lira: comissão será instalada na terça e vai durar 12 dias

Indicado pelo PMDB para presidir a comissão do impeachment no Senado, Raimundo Lira disse que o grupo será instalada na terça-feira (26) e concluirá em até 12 dias a análise sobre a denúncia recebida da Câmara; “Terei um comportamento suprapartidário. Também decidi que terei uma postura neutra em relação ao objeto de discussão da comissão. Farei o possível para que executemos nosso trabalho com calma, temperança e objetividade”, disse ao colunista Josias de Souza 

Senador Raimundo Lira (PMDB-PB) concede entrevista. Foto: Moreira Mariz/Agência Senado
Senador Raimundo Lira (PMDB-PB) concede entrevista. Foto: Moreira Mariz/Agência Senado (Foto: Roberta Namour)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Indicado pelo PMDB para presidir a comissão do impeachment no Senado, Raimundo Lira disse que o grupo será instalada na terça-feira (26) e concluirá em até 12 dias a análise sobre a denúncia recebida da Câmara.

Em entrevista a Josias de Souza, ele afirma que será “netro” no tratamento da denúncia: “Terei um comportamento suprapartidário. Também decidi que terei uma postura neutra em relação ao objeto de discussão da comissão. Farei o possível para que executemos nosso trabalho com calma, temperança e objetividade”, disse.

Ele afirma ainda que, “se não houver nenhum tipo de impedimento”, abrirá espaço para que a defesa venha se pronunciar na comissão (leia aqui).

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247