Ministro Luís Roberto Barroso suspende piso salarial da enfermagem

O piso foi fixado em R$ 4.750, para os setores público e privado

Luís Roberto Barroso (à esq.)
Luís Roberto Barroso (à esq.) (Foto: Carlos Moura/SCO/STF | Bruno Cecim/Agência Pará)


✅ Receba as notícias do Brasil 247 e da TV 247 no canal do Brasil 247 e na comunidade 247 no WhatsApp.

247 - O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Luís Roberto Barroso suspendeu os efeitos da lei que estabeleceu um piso salarial salarial da enfermagem. O piso foi fixado em R$ 4.750, para os setores público e privado. 

De acordo com o portal Jota, o ministro adiantou que submeterá sua decisão a referendo dos colegas no plenário virtual nos próximos dias. E deve ser seguido pela maioria dos colegas. 

continua após o anúncio

O ministro deu um prazo de 60 dias para que instituições públicas e privadas da área da saúde esclareçam algumas dúvidas, como os impactos financeiros da lei, se haveria riscos de demissão nos hospitais e possível redução na qualidade dos serviços.

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

continua após o anúncio

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

continua após o anúncio

Ao vivo na TV 247

Cortes 247