Por falta de transparência, MP pede afastamento de Wajngarten da Secom

A alegação do Ministério Público é de que a Secretaria de Comunicação vem descumprindo decisão da Controladoria-Geral da União (CGU) e mantém dados de publicidade governo Bolsonaro em segredo

Fabio Wajngarten
Fabio Wajngarten
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Fórum - O subprocurador-geral Lucas Rocha Furtado, responsável pela atuação do Ministério Público no Tribunal de Contas da União (TCU), pediu nesta quinta-feira (16) o afastamento de Fábio Wajngarten da chefia da Secretaria de Comunicação (Secom) do governo Bolsonaro.

Furtado afirmou à colunista Bela Megale, do Jornal O Globo, que o pedido foi realizado oralmente ao ministro Vital do Rêgo e será oficializado em um documento.

A alegação é de que a Secom vem descumprindo decisão da Controladoria-Geral da União (CGU) e mantém dados de publicidade governo Bolsonaro em segredo.

Leia a íntegra na Fórum. 

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como:

• Cartão de crédito na plataforma Vindi: acesse este link

• Boleto ou transferência bancária: enviar email para [email protected]

• Seja membro no Youtube: acesse este link

• Transferência pelo Paypal: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Patreon: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Catarse: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Apoia-se: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Vakinha: acesse este link

Inscreva-se também na TV 247, siga-nos no Twitter, no Facebook e no Instagram. Conheça também nossa livraria, receba a nossa newsletter e ative o sininho vermelho para as notificações.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247