Presidente da Câmara se reúne com manifestantes

O deputado Wasny de Roure (PT) se reuniu com uma comissão de manifestantes que ocupam a sede do Legislativo local; no encontro ficou definido que o grupo pode manter 16 manifestantes dentro do prédio da Câmara; esse é o número de pessoas que entrou na Casa no início da ocupação

O deputado Wasny de Roure (PT) se reuniu com uma comissão de manifestantes que ocupam a sede do Legislativo local; no encontro ficou definido que o grupo pode manter 16 manifestantes dentro do prédio da Câmara; esse é o número de pessoas que entrou na Casa no início da ocupação
O deputado Wasny de Roure (PT) se reuniu com uma comissão de manifestantes que ocupam a sede do Legislativo local; no encontro ficou definido que o grupo pode manter 16 manifestantes dentro do prédio da Câmara; esse é o número de pessoas que entrou na Casa no início da ocupação (Foto: Leonardo Lucena)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Câmara Legislativa do DF - O presidente da Câmara Legislativa, deputado Wasny de Roure (PT), se reuniu na manhã desta quinta-feira (15) com uma comissão de manifestantes que ocupam a sede do Legislativo local desde a noite de terça-feira (13). O encontro foi um pedido dos jovens, que pressionam pelo prosseguimento dos processos por quebra de decoro parlamentar contra os deputados Aylton Gomes (PR), Benedito Domingos (PP), Rôney Nemer (PMDB) e Raad Massouh (PPL).

No encontro ficou definido que o grupo pode manter 16 manifestantes dentro do prédio da Câmara. Esse é o número de pessoas que entrou na Casa no início da ocupação.

De acordo com o presidente, os manifestantes podem se revezar durante o horário de funcionamento da Casa. No período noturno, quem sair não poderá ser substituído. Os manifestantes estão autorizados a entrar com mantimentos, cobertores e colchonetes para passar a noite no hall da entrada principal da Casa. Wasny disse, ainda, que vai investigar qualquer ato de arbitrariedade contra os manifestantes.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email