Sampaio: GDF voltará a pagar salários até o último dia do mês

O secretário da Casa Civil, Sérgio Sampaio, afirmou que o governo do Distrito Federal voltará a pagar o salário dos servidores até o último dia do mês trabalhado; segundo o titular da pasta, o compromisso é de fazê-lo até dezembro deste ano; "Ainda vamos receber o projeto aprovado na Câmara [que junta os fundos de previdência do DF]. A partir da sanção, assumimos o compromisso de que não haverá parcelamento de salário e vamos voltar, até dezembro, a fazer pagamento dentro do mês"

O secretário da Casa Civil, Sérgio Sampaio, afirmou que o governo do Distrito Federal voltará a pagar o salário dos servidores até o último dia do mês trabalhado; segundo o titular da pasta, o compromisso é de fazê-lo até dezembro deste ano; "Ainda vamos receber o projeto aprovado na Câmara [que junta os fundos de previdência do DF]. A partir da sanção, assumimos o compromisso de que não haverá parcelamento de salário e vamos voltar, até dezembro, a fazer pagamento dentro do mês"
O secretário da Casa Civil, Sérgio Sampaio, afirmou que o governo do Distrito Federal voltará a pagar o salário dos servidores até o último dia do mês trabalhado; segundo o titular da pasta, o compromisso é de fazê-lo até dezembro deste ano; "Ainda vamos receber o projeto aprovado na Câmara [que junta os fundos de previdência do DF]. A partir da sanção, assumimos o compromisso de que não haverá parcelamento de salário e vamos voltar, até dezembro, a fazer pagamento dentro do mês" (Foto: Leonardo Lucena)

Brasília 247 - O secretário da Casa Civil, Sérgio Sampaio, afirmou que o governo do Distrito Federal voltará a pagar o salário dos servidores até o último dia do mês trabalhado. Segundo o titular da pasta, o compromisso é de fazê-lo até dezembro deste ano.

"Ainda vamos receber o projeto aprovado na Câmara [que junta os fundos de previdência do DF]. A partir da sanção, assumimos o compromisso de que não haverá parcelamento de salário e vamos voltar, até dezembro, a fazer pagamento dentro do mês", declarou Sampaio ao G1 e ao Bom Dia DF.

Sampaio afirmou que até dezembro o governo tentará trazer o dia de pagamento para "mais perto" do começo do mês. Em vez de os servidores receberem no quinto dia últil, podem receber, por exemplo, no terceiro ou no segundo a partir de novembro.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247