Seminário reúne na Câmara entidades contra privatização do saneamento

A Comissão de Desenvolvimento Urbano da Câmara dos Deputados promove nesta quarta-feira (22) um seminário nacional para discutir questões relacionadas à água como direito; entre os temas a serem tratados estão o controle social sobre água e saneamento e a luta contra a privatização desses serviços; a iniciativa é do presidente do colegiado, deputado Givaldo Vieira (PT-ES), e do deputado Angelim (PT-AC)

Barragem do Descoberto, Brasília, DF, Brasil 7/11/2016- Barragem do Descoberto, principal reservatório de fornecimento de água para o Distrito Federal, com nível de água próximo aos 20%. Foto: Tony Winston/ Agência Brasília
Barragem do Descoberto, Brasília, DF, Brasil 7/11/2016- Barragem do Descoberto, principal reservatório de fornecimento de água para o Distrito Federal, com nível de água próximo aos 20%. Foto: Tony Winston/ Agência Brasília (Foto: Charles Nisz)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Brasília 247 - A Comissão de Desenvolvimento Urbano (CDU) da Câmara dos Deputados realiza na quarta-feira (22), seminário nacional para discutir questões relacionadas à água como direito e não mercadoria, serviços de saneamento e controle social. A iniciativa é do presidente do colegiado, deputado Givaldo Vieira (PT-ES), e do deputado Angelim (PT-AC).

O seminário é uma parceria da CDU com a Federação Nacional dos Urbanitários (FNU) e com o Fórum Alternativo Mundial da Água (FAMA). O evento acontece às 13h30, no plenário 2 da Câmara dos Deputados.Este Seminário Nacional será realizado por meio de mesas de debates, com expositores de várias regiões e com temas relacionados à principal preocupação do FAMA 2018, que ocorrerá no mês de março.

Em conjunto com as entidades, foram promovidos no decorrer de 2017 vários seminários por todas as regiões do Brasil, colocando em pauta a questão da privatização no sistema de saneamento básico. Nestes seminários regionais, participaram sociedade civil, parlamentares, membros dos Governos Municipais e Estaduais, além de comunidades centrais sindicais e vários sindicatos ligados ao saneamento.
 
O Fórum Alternativo Mundial da Água está sendo organizado por uma coordenação nacional e por comitês estaduais. O objetivo do evento será o aprofundamento do debate sobre a preservação e o fortalecimento da soberania nacional sobre seus bens naturais e estratégicos, com foco na água.
 

 

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como:

• Cartão de crédito na plataforma Vindi: acesse este link

• Boleto ou transferência bancária: enviar email para [email protected]

• Seja membro no Youtube: acesse este link

• Transferência pelo Paypal: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Vakinha: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Catarse: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo APOIA.se: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Patreon: acesse este link

Inscreva-se também na TV 247, siga-nos no Twitter, no Facebook e no Instagram. Conheça também nossa livraria, receba a nossa newsletter e ative o sininho vermelho para as notificações.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247