Sibá: Oposição deve ouvir Obama para perder complexo de vira-latas

Para o líder do PT na Câmara, Sibá Machado (AC), o reconhecimento do presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, ao papel do Brasil como potência global deve servir de lição para os partidos da oposição: "A oposição brasileira precisa ouvir o que Obama falou e perder seu complexo de inferioridade. O PSDB e seus partidos aliados precisam reconhecer que o Brasil, com Lula e Dilma, avançou e se tornou um dos países mais respeitados do mundo"; "nossa oposição se comporta como aves de mau agouro", completou

Para o líder do PT na Câmara, Sibá Machado (AC), o reconhecimento do presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, ao papel do Brasil como potência global deve servir de lição para os partidos da oposição: "A oposição brasileira precisa ouvir o que Obama falou e perder seu complexo de inferioridade. O PSDB e seus partidos aliados precisam reconhecer que o Brasil, com Lula e Dilma, avançou e se tornou um dos países mais respeitados do mundo"; "nossa oposição se comporta como aves de mau agouro", completou
Para o líder do PT na Câmara, Sibá Machado (AC), o reconhecimento do presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, ao papel do Brasil como potência global deve servir de lição para os partidos da oposição: "A oposição brasileira precisa ouvir o que Obama falou e perder seu complexo de inferioridade. O PSDB e seus partidos aliados precisam reconhecer que o Brasil, com Lula e Dilma, avançou e se tornou um dos países mais respeitados do mundo"; "nossa oposição se comporta como aves de mau agouro", completou (Foto: Roberta Namour)

247 – Segundo o líder do PT na Câmara, Sibá Machado (AC), o reconhecimento do presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, ao papel do Brasil como potência global deve servir de lição para os partidos da oposição.

“A oposição brasileira precisa ouvir o que Obama falou e perder seu complexo de inferioridade. O PSDB e seus partidos aliados precisam reconhecer que o Brasil, com Lula e Dilma, avançou e se tornou um dos países mais respeitados do mundo”, disse Sibá.

“O Brasil é um país respeitado, como apontou o presidente dos EUA, e precisaria ser visto assim por nossa oposição, que se comporta como aves de mau agouro”, completou o líder.

Ele também destacou que observação de Obama foi feita a propósito de comentário de jornalista da GloboNews, na entrevista, de que o Brasil se veria como potência global, ante a visão dos EUA de que seria apenas um ator regional. “Nossos jornalistas precisariam se informar melhor sobre o papel do Brasil no cenário mundial”, recomendou Sibá.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247