UnB é homenageada no Senado

Solenidade comemora os 50 anos da UnB com reflexes para o futuro; parlamentares destacam o pioneirismo da universidade e o compromisso social da instituio

Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Agência UnB – Parlamentares e convidados lotaram o plenário do Senado Federal nesta segunda-feira 23 para homenagear o cinquentenário da Universidade de Brasília. Durante quase três horas, senadores e deputados rememoraram os princípios que nortearam a fundação da instituição, os desafios impostos pelos 20 anos de regime militar e exaltaram a inovação, o compromisso social e a ampliação da instituição.

Um dos autores do requerimento de realização da sessão solene, o senador e ex-reitor da Universidade Cristovam Buarque aproveitou o momento de comemoração para presentear simbolicamente a Universidade com “olhos grandes para olhar para o futuro e alcançar as respostas para as perguntas de hoje a partir de novos conhecimentos”. “Olhos para trás para não esquecer o passado e olhos para cima, para enxergar os mistérios do mundo, que ultrapassam a ciência”, exaltou.

O reitor José Geraldo de Sousa Junior atribuiu o reconhecimento à Universidade à existência de uma bancada da UnB no Congresso. “A UnB é uma dentre as 59 federais, mas se apresenta hoje ao Poder Legislativo como detentora dos tributos de qualificação para formar os quadros da ação política e econômica”, disse. “Isso indica que ex-alunos, ex-professores e ex-servidores tem um vinculo de identificação com a Universidade e de associativismo cívico com o projeto de Darcy, ao qual continuamos leais”, completou.

João Batista de Sousa, vice-reitor, lembrou sua passagem pelo Senado Federal há cinco anos. “Estive aqui como presidente do Hospital Universitário em uma sessão solene pelos 45 anos da universidade”, lembrou. Para o vice-reitor João Batista, a homenagem de hoje representa o reconhecimento pelo que a universidade representa para a cidade, bem como pelo seu crescimento.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email