Vídeo: Bolsonaro ataca Iphan e diz que “enquanto tá lá um cocô petrificado de índio, [o Iphan] para a obra, pô!’

Jair Bolsonaro relatou na reunião ministerial de 22 de abril como procedeu no Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) após ter recebido reclamação de um apoiador-empresário. Ele disse: “enquanto tá lá um cocô petrificado de índio, para a obra, pô! (...) Alguém do Iphan que resolva o assunto, né?”

Presidente Jair Bolsonaro em Brasília 13/05/2020
Presidente Jair Bolsonaro em Brasília 13/05/2020 (Foto: REUTERS/Adriano Machado)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Bolsonaro  destacou na reunião ministerial de 22 de abril como procedeu no Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) após ter recebido reclamação de um empresário. Ele disse: “E assim nós devemos agir, como tava discutindo agora. O Iphan, não é? Tá la vinculado à Cultura. Eu fiz a cagada em escolher”

A reportagem do portal G1 destaca a fala do ex-capitão: “e assim nós devemos agir, como tava discutindo agora. O Iphan, não é? Tá la vinculado à Cultura. Eu fiz a cagada em escolher, nu ... não escolher uma, uma pessoa que tivesse o ... também um outro perfil. E uma excelente pessoa que tá lá, tá? Mas tinha que ter um outro perfil também. O Iphan para qualquer obra do Brasil, como para a do Luciano Hang. Enquanto tá lá um cocô petrificado de índio, para a obra, pô! Para a obra. O que que tem que fazer? Alguém do Iphan que resolva o assunto, né? E assim nós temos que proceder.”

Participe da campanha de assinaturas solidárias do Brasil 247. Saiba mais.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247