Bahia pode não ter carnaval em 2021 se não houver vacina

“Nada está decidido, mas acho pouco provável não só Carnaval, mas Réveillon ou qualquer outra festa de aglomeração no Brasil e no mundo”, disse o governador Rui Costa

(Foto: Camila Souza/GOVBA)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Da revista Fórum – O governador da Bahia, Rui Costa (PT), declarou em entrevista neste sábado (30) que não devem acontecer eventos de grande aglomeração no estado até que se encontre uma vacina para o coronavírus.

“Nada está decidido, mas acho pouco provável não só Carnaval, mas Réveillon ou qualquer outra festa de aglomeração no Brasil e no mundo”, disse em entrevista à CNN Brasil. Ele ainda considerou que isso seria uma “risco enorme”.

Costa ainda criticou a condução do presidente Jair Bolsonaro diante da crise. “Infelizmente, o Brasil não conseguiu produzir união no país para enfrentar o vírus. O governo federal pregou o tempo todo que era uma gripezinha, mesmo que morressem 30, 40 mil pessoas. Isso criou confusão. Estados e municípios não conseguem, sozinhos, fazer o isolamento necessário”, afirmou.

Leia a íntegra na Fórum 

Participe da campanha de assinaturas solidárias do Brasil 247. Saiba mais.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247