Bahia terá torcida organizada LGBTQI

A criação da torcida é uma iniciativa do Grupo Orgulho Tricolor e da União Nacional LGBT. A proposta foi abraçada pelo presidente do Bahia, Guilherme Bellitani, e pela principal torcida organizada do Clube, a Bamor

Da Revista Fórum - O Esporte Clube Bahia não quer quer distinção ou preconceito algum entre seus torcedores. Por uma arquibancada mais democrática e inclusiva o clube está apoiando a criação da torcida LBGTricolor. Essa é só uma das muitas ações do time baiano que, nos últimos tempos, vem se destacando por dar visibilidade a pautas progressistas como o combate à violência contra mulheres, discussão do racismo e, mais recentemente, o desastre ambiental que vem assolando o Nordeste.

A criação da torcida é uma iniciativa do Grupo Orgulho Tricolor e da União Nacional LGBT. A proposta foi abraçada pelo presidente do Bahia, Guilherme Bellitani, e pela principal torcida organizada do Clube, a Bamor.

“Desde o primeiro momento fomos muito bem recebidos pela Bamor, que se colocou à disposição para nos ajudar neste primeiro momento que estaremos chegando. O presidente do clube também foi muito receptivo à ideia e estamos estreitando as últimas conversas para fazermos o lançamento da torcida. Estamos buscando mostrar a sociedade que o futebol é um traço da identidade nacional e por isso que tem que se discutir a inclusão neste espaço”, disse Onã Rudá, fundador da LGBTricolor.

Assista abaixo o vídeo feito pelo Bahia na campanha contra homofobia dentro dos estádios.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247