Flávio Dino critica Bolsonaro e diz que ataque a governadores na ONU é desleal

"E para insistir em mentiras sobre a pandemia. Esse é o Bolsonaro ‘moderado’?”, questionou o governador do Maranhão

(Foto: Timothy A. Clary/Pool via REUTERS | Felipe L. Gonçalves/Brasil247)
Siga o Brasil 247 no Google News

247 - O governador do Maranhão, Flávio Dino (PSB), classificou como "deslealdade" Jair Bolsonaro criticar a gestão da pandemia de Covid-19 feita por governadores e prefeitos do Brasil em seu discurso na ONU nesta terça-feira (21)

“Muita deslealdade de um chefe de Estado usar a tribuna da ONU para atacar governadores e prefeitos do seu país. E para insistir em mentiras sobre a pandemia. Esse é o Bolsonaro ‘moderado’?”, rebateu Dino em suas redes sociais.

Em seu discurso, Bolsonaro afirmou que a população brasileira foi obrigada a ficar em casa por decisão de governadores e prefeitos durante a pandemia. “No Brasil, para atender aqueles mais humildes, obrigados a ficar em casa por decisão de governadores e prefeitos e que perderam sua renda, concedemos um auxílio emergencial de US$ 800 para 68 milhões de pessoas em 2020”, disse Bolsonaro.

PUBLICIDADE


PUBLICIDADE

Inscreva-se no canal de cortes da TV 247 e saiba mais:

PUBLICIDADE

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

PUBLICIDADE

Cortes 247

PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email