Lobão contrata Kakay para se defender no STF

O senador e ex-ministro de Minas e Energia Edison Lobão (PMDB-MA) contratou para defendê-lo no Supremo Tribunal Federal (STF) o advogado Antonio Carlos de Almeida Castro, o Kakay, que no processo do mensalão livrou da condenação o publicitário Duda Mendonça; segundo Kakay, não há confirmação se Lobão é alvo de algum dos pedidos de inquérito protocolados pelo procurador-geral Rodrigo Janot; defensor afirmou que, se não for cumprida a expectativa de retirada do sigilo dos inquéritos nesta semana, ele pode acionar o STF para ter a informação sobre qual seria a acusação contra o ex-ministro

O senador e ex-ministro de Minas e Energia Edison Lobão (PMDB-MA) contratou para defendê-lo no Supremo Tribunal Federal (STF) o advogado Antonio Carlos de Almeida Castro, o Kakay, que no processo do mensalão livrou da condenação o publicitário Duda Mendonça; segundo Kakay, não há confirmação se Lobão é alvo de algum dos pedidos de inquérito protocolados pelo procurador-geral Rodrigo Janot; defensor afirmou que, se não for cumprida a expectativa de retirada do sigilo dos inquéritos nesta semana, ele pode acionar o STF para ter a informação sobre qual seria a acusação contra o ex-ministro
O senador e ex-ministro de Minas e Energia Edison Lobão (PMDB-MA) contratou para defendê-lo no Supremo Tribunal Federal (STF) o advogado Antonio Carlos de Almeida Castro, o Kakay, que no processo do mensalão livrou da condenação o publicitário Duda Mendonça; segundo Kakay, não há confirmação se Lobão é alvo de algum dos pedidos de inquérito protocolados pelo procurador-geral Rodrigo Janot; defensor afirmou que, se não for cumprida a expectativa de retirada do sigilo dos inquéritos nesta semana, ele pode acionar o STF para ter a informação sobre qual seria a acusação contra o ex-ministro (Foto: Leonardo Lucena)

Maranhão 247 - O senador e ex-ministro de Minas e Energia Edison Lobão (PMDB-MA) contratou para defendê-lo no Supremo Tribunal Federal (STF) o advogado Antonio Carlos de Almeida Castro, o Kakay, que no processo do mensalão livrou da condenação o publicitário Duda Mendonça.

Segundo Kakay, não há confirmação se Lobão é alvo de algum dos pedidos de inquérito protocolados pelo procurador-geral Rodrigo Janot. Ao Globo, o defensor afirmou que, se não for cumprida a expectativa de retirada do sigilo dos inquéritos nesta semana, ele pode acionar o STF para ter a informação sobre qual seria a acusação contra o ex-ministro.

"Como as especulações estão indo e voltando, prefiro esperar para ver o que pode acontecer. Podemos fazer petição pedindo vista. Como acho que o ministro Teori Zavascki deve determinar a retirada do sigilo, vamos esperar até segunda-feira", disse o advogado.

Kakay também foi advogado do doleiro Alberto Youssef durante as investigações da Operação Lava Jato, mas deixou a função após o doleiro fazer com a Justiça Federal do Paraná um acordo de delação premiada, quando o réu colabora com as investigações em troca de redução da pena.

Conheça a TV 247

Mais de Nordeste

Ao vivo na TV 247 Youtube 247