CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
Nordeste

Luis Fernando desiste e Lobão Filho será o candidato a governador

Principal auxiliar da governadora Roseana Sarney (PMDB) nos últimos três anos e meio, Luis Fernando desistiu de disputar o pleito após uma reunião no Palácio dos Leões, ainda na quarta-feira, dia 2, dois dias antes de a chefe do Executivo anunciar que permaneceria no cargo; ele chegou a ponderar que o melhor para o seu projeto de sucedê-la seria com a própria Roseana também candidata a senadora, ajudando-o na chapa majoritária

Imagem Thumbnail
Principal auxiliar da governadora Roseana Sarney (PMDB) nos últimos três anos e meio, Luis Fernando desistiu de disputar o pleito após uma reunião no Palácio dos Leões, ainda na quarta-feira, dia 2, dois dias antes de a chefe do Executivo anunciar que permaneceria no cargo; ele chegou a ponderar que o melhor para o seu projeto de sucedê-la seria com a própria Roseana também candidata a senadora, ajudando-o na chapa majoritária (Foto: Itevaldo Junior)
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

✅ Receba as notícias do Brasil 247 e da TV 247 no canal do Brasil 247 e na comunidade 247 no WhatsApp.

Maranhão 247 - O ex-secretário de Estado da Infraestrutura do Governo do Maranhão, Luis Fernando Silva, não é mais o pré-candidato do PMDB a governador na eleição deste ano. O substituto deve ser o suplente de senador Edison Lobão Filho, também do PMDB, que recebeu a notícia em São Paulo, onde se recupera de duas cirurgias a que fora submetido em menos de uma semana. A formalização da escolha, no entanto, ocorrerá apenas após um encontro entre os principais líderes peemedebistas do estado.
Principal auxiliar da governadora Roseana Sarney (PMDB) nos últimos três anos e meio, Luis Fernando desistiu de disputar o pleito após uma reunião no Palácio dos Leões, ainda na quarta-feira, dia 2, dois dias antes de a chefe do Executivo anunciar que permaneceria no cargo.
Na ocasião, o então pré-candidato chegou a ponderar que o melhor para o seu projeto de sucedê-la seria com a própria Roseana também candidata a senadora, ajudando-o na chapa majoritária. Decidida a concluir seu mandato, a governadora preferiu manter-se à frente do Estado, o que o desestimulou.
Desde então, o peemedebista recolheu-se no que seus aliados mais próximos chamaram de "quarentena". Durante três dias, ele refletiu sobre o assunto e já no sábado à noite, dia 5, começaram a circular as primeiras informações sobre a possível desistência, que foram confirmadas ontem.
O ministro das Minas e Energia, senador Edison Lobão, chegou a estar pessoalmente com Luis Fernando, tentando demovê-lo da ideia de abdicar da disputa. Mas não houve acordo. Ele também não deu qualquer declaração oficial sobre o assunto.
No início da noite de ontem, era grande a repercussão nos meios políticos e em blogs maranhenses sobre a desistência de Luis Fernando e a indicação de Edison Lobão Filho.
Segundo Lobão Filho, a indicação para se candidatar foi aceita, mesmo sabendo que uma eleição para senador, como era mais provável que ele disputasse, seria "mais fácil".
"Tínhamos apenas algumas arestas internas a aparar, mas as conversas já estavam bem adiantadas. Mas o grupo decidiu por esse caminho, solicitou o meu empenho e eu estou pronto para encarar esse novo desafio", completou.
O suplente de senador deverá ficar ainda mais um dia em São Paulo e desembarcar em São Luís amanhã. Hoje, o próprio Luis Fernando Silva deve ter uma última conversa com a governadora Roseana Sarney sobre a mudança.
De acordo com o senador João Alberto (PMDB), é após esse encontro que o grupo deve se reunir para dar, em conjunto, uma declaração formal sobre o novo candidato.
"Haverá ainda essa conversa entre o Luis Fernando e a governadora. Vamos aguardar o desfecho disso tudo e, só então, anunciar, em grupo, a decisão tomada", afirmou.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

iBest: 247 é o melhor canal de política do Brasil no voto popular

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

Cortes 247

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO