Michelle Bolsonaro constrange deputada do PL ao mandá-la retirar prótese do olho e colocar no bolso (vídeo)

Cena ocorreu em Cabedelo, na região metropolitana de João Pessoa, onde a mulher de Jair realizou evento do PL Mulher

Michelle e Amália
Michelle e Amália (Foto: Reprodução)


✅ Receba as notícias do Brasil 247 e da TV 247 no canal do Brasil 247 e na comunidade 247 no WhatsApp.

247 - A esposa de Jair Bolsonaro, Michelle, pediu para Amália Barros (PL-MT) remover a prótese ocular durante um discurso em João Pessoa, neste sábado (15).

"Eu amo vê-la sem prótese, gente", disse a ex-primeira-dama, que atualmente preside o PL Mulher. 

continua após o anúncio

O momento foi compartilhado nas redes sociais. A intenção, a princípio, de Michelle era de comover o público presente no evento, informa o portal T5, mas o ato, considerado anti-higiênico, chamou atenção nas redes sociais, pelo constrangimento. Michelle retira a prótese e coloca no bolso.

Amália começou o discurso com a seguinte frase: "Ela sempre faz isso comigo e eu ainda não aprendi".

continua após o anúncio

O portal da Câmara dos Deputados informa o seguinte sobre a história de Amália:

Amália Barros exerce seu primeiro mandato eletivo como deputada federal por Mato Grosso, eleita com mais de 70 mil votos. Sua história de vida inspirou a Lei 14.126/2021 que classifica a visão monocular como deficiência sensorial, legislação que ficou conhecida como Lei Amália Barros. Sua luta assegurou às pessoas com visão monocular os mesmos direitos e benefícios previstos na legislação para pessoas com deficiência. 

continua após o anúncio

Após perder um rim e um olho, a jornalista Amália Barros abriu um instituto social, ajudou milhares de pessoas, deu nome à lei e lançou o livro "Se Enxerga", no qual conta sua emocionante trajetória e revelando que dormiu enxergando e acordou cega, literalmente, por conta de uma infecção chamada toxoplasmose. Aos 20 anos, ela perdeu a visão do olho esquerdo e, depois de 12 cirurgias, passou a usar prótese. Amália também enfrentou a retirada de um rim. 

Em 2016, precisou retirar o globo ocular e colocar prótese. Em 2021, fundou o Instituto Amália Barros para a realização de campanhas de doação de prótese ocular e lente escleral à pessoas carentes, além de prestar informação e assistência aos monoculares.

continua após o anúncio


continua após o anúncio

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

continua após o anúncio

Ao vivo na TV 247

Cortes 247