CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
Nordeste

Prefeitura não paga aluguel e alunos ficam sem aula

Proprietário do imóvel onde funciona da Unidade Escolar Básica (UEB) Ronald da Silva Carvalho decidiu fechar o prédio, porque não recebe o pagamento do aluguel há quatro meses da Prefeitura de São Luís; a unidade de ensino, que atende crianças do 1º ao 4º ano do ensino fundamental, as aulas não recomeçarão até o pagamento seja regularizado; Segundo pais de alunos, desde o início no ano letivo a Secretaria Municipal de Educação (Semed) ainda não entregou os uniformes aos estudantes

Imagem Thumbnail
Proprietário do imóvel onde funciona da Unidade Escolar Básica (UEB) Ronald da Silva Carvalho decidiu fechar o prédio, porque não recebe o pagamento do aluguel há quatro meses da Prefeitura de São Luís; a unidade de ensino, que atende crianças do 1º ao 4º ano do ensino fundamental, as aulas não recomeçarão até o pagamento seja regularizado; Segundo pais de alunos, desde o início no ano letivo a Secretaria Municipal de Educação (Semed) ainda não entregou os uniformes aos estudantes (Foto: Itevaldo Junior)
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

✅ Receba as notícias do Brasil 247 e da TV 247 no canal do Brasil 247 e na comunidade 247 no WhatsApp.

Maranhão 247 - A falta de pagamento do aluguel do prédio onde funciona o anexo II da Unidade Escolar Básica (UEB) Ronald da Silva Carvalho, no Planalto Turu II, deixou os alunos da escola sem aula. É que o proprietário decidiu trancar as portas do imóvel até que seja feito o pagamento seja quitado pela Prefeitura de São Luís.
As aulas não recomeçarão até que os quatro meses do pagamento do aluguel seja regularizado. A paralisação das atividades escolares ontem, deixou pais de alunos indignados.
A denúncia foi feita pelos pais de alunos e moradores vizinhos, revoltados com a situação, depois que foram informados da paralisação das aulas desde ontem, dia 24, enquanto não for efetuado o pagamento dos meses de aluguel atrasados.
“Nós que moramos perto da escola nem ouvimos a sirene da hora da entrada tocar como todos os dias. Não tem aviso na porta, nem nada. A escola fechada não tem condição, a gente chegou e foi pego de surpresa.", disse Iraildo Lopes, avô de um estudante do 3º ano.
A unidade de ensino, que atende crianças do 1º ao 4º ano do ensino fundamental, foi alugada há cerca de dois anos, segundo os moradores do bairro.
Segundo pais de alunos, desde o início no ano letivo a Secretaria Municipal de Educação (Semed) ainda não entregou os uniformes aos estudantes. "Para piorar tudo, até agora os alunos não receberam o fardamento. Estão sem aula e também sem a roupa do colégio. É uma bagunça só", complementou Iraildo Lopes.
O diretor do anexo II da UEB Ronald da Silva Carvalho, Jailson Fidalgo, disse que apesar de todos os problemas, as aulas devem ser normalizadas hoje. A Secretaria Municipal de Educação (Semed), não informou quando o aluguel da unidade de ensino deverá ser pago.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

iBest: 247 é o melhor canal de política do Brasil no voto popular

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

Cortes 247

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO