Renan: usar Coaf contra jornalistas é crime grave de Moro

"Se for verdade, Moro acrescenta problemas muito graves à piulha de ilegalidades já exposta. É o caso do típido desprezo repugnante à democracia, às leis e pode caracterizar obstrução da investigação e do escândalo que envolve o próprio ministro", disse o senador Renan Calheiros

247 - O senador Renan Calheiros (MDB-AL) criticou a possibilidade de o Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf) estar sendo utilizado pela Polícia Federal em investigaçãoc ontra o jornalista Glenn Greenwald, do Intercept. 

A informação foi divulgada pelo site O Antagonista e, durante depoimento na Câmara nessa terça-feira, 2, o ministro Sérgio Moro não confirmou nem negou a informação. 

"Se for verdade, Moro acrescenta problemas muito graves à piulha de ilegalidades já exposta. É o caso do típido desprezo repugnante à democracia, às leis e pode caracterizar obstrução da investigação e do escândalo que envolve o próprio ministro", disse Renan.

Inscreva-se na TV 247 e assista à declaração de Renan Calheiros:

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247