CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
Nordeste

Roberto Rocha estaria de olho no PSDB

Após fusão com o PPS ser rejeitada pelo PSB, Roberto Rocha se isola ainda mais no partido que o acolheu; o senador é minoria na legenda e se articulava pela fusão para assumir, ao lado do filho, vereador Roberto Rocha Jr, e da deputada federal Eliziane Gama, o comando da nova sigla no Maranhão; segundo fontes, o racha agora partiu para o plano B na tentativa de realizar o desejo de ser governador do Maranhão; a estratégia do ex-tucano é voltar para PSDB, provocar um racha na aliança com o PCdoB e enfrentar o governador Flávio Dino nas eleições de 2018

Imagem Thumbnail
Após fusão com o PPS ser rejeitada pelo PSB, Roberto Rocha se isola ainda mais no partido que o acolheu; o senador é minoria na legenda e se articulava pela fusão para assumir, ao lado do filho, vereador Roberto Rocha Jr, e da deputada federal Eliziane Gama, o comando da nova sigla no Maranhão; segundo fontes, o racha agora partiu para o plano B na tentativa de realizar o desejo de ser governador do Maranhão; a estratégia do ex-tucano é voltar para PSDB, provocar um racha na aliança com o PCdoB e enfrentar o governador Flávio Dino nas eleições de 2018 (Foto: Leonardo Lucena)
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

✅ Receba as notícias do Brasil 247 e da TV 247 no canal do Brasil 247 e na comunidade 247 no WhatsApp.

Blog Marrapá - Após fusão com o PPS ser rejeitada pelo PSB, Roberto Rocha se isola ainda mais no partido que o acolheu. O senador é minoria na legenda e se articulava pela fusão para assumir – ao lado do filho, vereador Roberto Rocha Jr, e da deputada federal Eliziane Gama, o comando da nova sigla no Maranhão.

Segundo fontes, o Racha agora partiu para o plano B na tentativa de realizar o desejo de ser governador do Maranhão. A estratégia do ex-tucano é voltar para PSDB, provocar um racha na aliança com o PCdoB e enfrentar o governador Flávio Dino nas eleições de 2018. Todavia, há uma pedra no meio do caminho.... Os tucanos não têm demonstrado grande interesse na ideia.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Gente ligada a Roberto confessa que esse é o principal medo do parlamentar. Se no PSB ele já sofre de isolamento, no PSDB o cenário não seria muito diferente. O senador teme disputar espaço no ninho com o vice-governador Carlos Brandão, com o prefeito de Imperatriz, Sebastião Madeira, e com o tucanosarneyzista Luís Fernando Silva.

Não está fácil rachar dessa vez. É esperar pra ver!

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

iBest: 247 é o melhor canal de política do Brasil no voto popular

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO