CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
Sudeste

Alvo da PF, Carlos Jordy é suspeito de bloquear estradas em atos antidemocráticos após eleições

O parlamentar foi alvo de buscas e apreensões na 24ª fase da Operação Lesa Pátria nesta quinta-feira

Imagem Thumbnail
Carlos Jordy (Foto: Zeca Ribeiro/Câmara dos Deputados)
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

✅ Receba as notícias do Brasil 247 e da TV 247 no canal do Brasil 247 e na comunidade 247 no WhatsApp.

247 - O deputado federal Carlos Jordy (PL) foi alvo nesta quinta-feira (18) da Polícia Federal, que deflagrou a 24ª fase da Operação Lesa Pátria, contra pessoas que planejaram, financiaram e incitaram os atos golpistas ocorridos em 8 de janeiro de 2023. Matéria do jornal O Globo aponta que Jordy é suspeito de promover atos antidemocráticos que contestavam o resultado das eleições presidenciais de 2022, como bloqueios das rodovias no interior do Rio de Janeiro.

"As investigações apontam que esses atos liderados pelo deputado podem ter culminado nas invasões e depredações das sedes dos Três Poderes, em 8 de janeiro", diz a reportagem.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Carlos Jordy se manifestou pelas redes sociais sobre os mandados de busca e apreensão em seus endereços e classificou a ação da PF como autoritarismo. Desde o início da Operação Lesa Pátria, Jordy é o primeiro deputado federal alvo de buscas e apreensões da PF.

iBest: 247 é o melhor canal de política do Brasil no voto popular

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

Cortes 247

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO