Bolsonarista pede desculpas a Doria por carregar caixão com símbolo nazista

Vídeo - O empresário bolsonarista Paulo Kogos afirmou que a intenção era realizar uma "oposição política" ao isolamento horizontal através de um "enterro ideológico, inspirado em um meme dos dançarinos do caixão"

João Doria e Paulo Kogos
João Doria e Paulo Kogos (Foto: Gov. SP | Reprodução)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O empresário bolsonarista Paulo Kogos, uma das principais figuras do ato contra as medidas de isolamento que aconteceu na Avenida Paulista do último domingo (12), gravou um vídeo pedindo desculpas ao governador João Doria (PSDB) por ter ajudado a segurar o caixão falso que levava o nome e imagem do tucano, também associado ao nazismo e ao comunismo.

No vídeo, o bolsonarista fala em "retratação" à família Doria e afirma que houve um "mal entendido" sobre o significado dos caixões no ato do último domingo. De acordo com ele, a intenção era realizar uma "oposição política" ao isolamento horizontal através de um "enterro ideológico, inspirado em um meme dos dançarinos do caixão".

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247