Bolsonaro procura partido para lançar Datena em SP

Sabendo que dificilmente conseguirá viabilizar seu novo partido, o Aliança pelo Brasil, para a eleição de 2020, Jair Bolsonaro tenta encontrar algum partido para lançar o apresentador José Luiz Datena à prefeitura de São Paulo, mas esbarra em dificuldades

Datena e Bolsonaro
Datena e Bolsonaro (Foto: Isac Nobrega/PR)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Sem perspectiva de viabilizar o Aliança pelo Brasil em tempo hábil para disputar a eleição de 2020, Jair Bolsonaro tenta com dificuldades encontrar um partido grande que abrigue o apresentador José Luiz Datena, informa o Valor nesta segunda-feira (23).

"O Republicanos tem compromisso prévio com seu deputado mais bem votado, Celso Russomanno, que terá preferência para escolher entre ser candidato novamente, ser vice ou ficar de fora da eleição. No MDB a preferência é por integrar a chapa que irá tentar reeleger Bruno Covas (PSDB). E o PSD já tem candidato lançado, o ex-vereador Andrea Matarazzo", diz o Valor. Com isso, Jair Bolsonaro pode ficar sem candidato próprio à Prefeitura de São Paulo.

A reportagem conta que Datena e Bolsonaro estão cada vez mais próximos. "Bolsonaro costuma escolher o programa de Datena para dar entrevistas ao vivo quando deseja falar de temas de seu interesse. Ou quando quer esclarecer temas polêmicos que envolvam seu governo e seus filhos", diz.

Porém, para um experiente político ouvido pelo Valor, as chances de Datena concorrer à prefeitura são remotas, seja no MDB ou em outro partido. Segundo o interlocutor, "o apresentador 'se regozija' quando é reconhecido como candidato forte na disputa por cargos eletivos. Mas não esconde a reticência em deixar sua carreira de apresentador - que inclui relevantes ganhos com contratos de publicidade - e ter a sua vida e intimidade devassadas em uma campanha acirrada como costuma ser a eleição para prefeito de São Paulo. Datena também leva em conta o atual ambiente de polarização política por que passa o país, segundo esse interlocutor", conta.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247