Briga entre torcidas faz mais uma morte no Rio

Torcedor do Botafogo, de 31 anos, que estava internado com traumatismo craniano, faleceu na madruga desta sexta, no Rio; ele foi agredido por cerca de 20 vascanos no final da partida que definiu o vencedor da Taa Rio, no ltimo domingo, no Engenho

Stephania Mello_247 – A briga entre torcidas de futebol terminou em mais uma morte no Rio de Janeiro. Bruno de Santana Saturnino, torcedor do Botafogo, foi agredido na saída do jogo Botafogo e Vasco, partida que decidiu o vencedor da Taça Rio, morreu às 5h40 da madrugada desta sexta-feira (4). Ele estava internado em estado grave, com traumatismo na face, no Hospital Salgado Filho, no Méier, zona norte da capital fluminense, desde o último domingo (29).

O jovem, de 31 anos, foi agredido por torcedores do Vasco da Gama, nas ruas do entorno do estádio João Havelange, o Engenhão, após o jogo da final.

De acordo com informações da Secretaria municipal de Saúde, Bruno de Santana Saturnino, de 31 anos, teve traumatismo craniano e chegou a passar por uma cirurgia na cabeça, mas morreu nesta sexta.

Segundo testemunhas, Bruno foi agredido por cerca de 20 torcedores à saída do estádio após a partida na qual o Vasco perdeu de 3 a 1 para o Botafogo, na final da Taça Rio, segunda etapa do Campeonato Carioca.

Moradores dos arredores do Engenhão viram a agressão e chamaram a ambulância do Samu para socorrer o torcedor. Segundo testemunhas, não havia policiais na região.

Ainda não há informações sobre o local do funeral.

 

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247