Candidata que Bolsonaro pediu votos nas redes, Wal do Açaí teve apenas 248 votos e não se elege

Wal do Açaí foi apontada como funcionária fantasma do gabinete do então deputado Jair Bolsonaro. Ele pediu votos a ex-funcionária em sua live nas redes, mas ela não foi eleita vereadora em Angra dos Reis

Carlos Bolsonaro, Wal do Açaí e Jair Bolsonaro
Carlos Bolsonaro, Wal do Açaí e Jair Bolsonaro (Foto: Reprodução)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - A candidata Wal Bolsonaro (Republicanos), mais conhecida como Wal do Açaí, que foi apontada como funcionária fantasma do gabinete de Jair Bolsonaro, não foi eleita vereadora em Angra dos Reis (RJ).

Apoiada por Bolsonaro, que pediu votos em sua live, Wal teve 248 votos (0,30%). Nas redes, Bolsonaro disse, ao pedir votos, "é obrigação minha, pelos excelentes serviços que ela prestou na região". "O deputado pode ter servidor comissionado em qualquer lugar do estado, não apenas na capital ou onde o parlamentar mora. Então você que não decidiu ainda, se possível, [vote na] Wal, Wal Bolsonaro, né? Botou Bolsonaro. Valeu, Wal!”, acrescentou..

Wal é alvo de uma investigação do Ministério Público depois que o jornal Folha de S. Paulo revelou que a funcionária continuava vendendo açaí numa praia de Angra dos Reis, no Rio de Janeiro, no horário do expediente que teria que cumprir como funcionária de Bolsonaro, à época em que era deputado federal. Ela estava na condição de secretária parlamentar do gabinete do parlamentar.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247