Casa desaba no subúrbio do Rio e deixa dois mortos

Duas pessoas morreram e duas ficaram feridas depois que uma casa desabou na zona norte da cidade do Rio de Janeiro; a Lídia de Lima, de 81 anos, e a neta Alessa Carolina Fernandes, de 17 anos, morreram ainda no local do desabamento; de acordo com a Defesa Civil Municipal, o imóvel de três pavimentos foi construído sem embasamento técnico de engenheiro ou arquiteto

Duas pessoas morreram e duas ficaram feridas depois que uma casa desabou na zona norte da cidade do Rio de Janeiro; a Lídia de Lima, de 81 anos, e a neta Alessa Carolina Fernandes, de 17 anos, morreram ainda no local do desabamento; de acordo com a Defesa Civil Municipal, o imóvel de três pavimentos foi construído sem embasamento técnico de engenheiro ou arquiteto
Duas pessoas morreram e duas ficaram feridas depois que uma casa desabou na zona norte da cidade do Rio de Janeiro; a Lídia de Lima, de 81 anos, e a neta Alessa Carolina Fernandes, de 17 anos, morreram ainda no local do desabamento; de acordo com a Defesa Civil Municipal, o imóvel de três pavimentos foi construído sem embasamento técnico de engenheiro ou arquiteto (Foto: Leonardo Lucena)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Da Agência Brasil

Duas pessoas morreram e duas ficaram feridas depois que uma casa desabou na zona norte da cidade do Rio de Janeiro na noite de ontem (21). Lídia de Lima, de 81 anos, e a neta Alessa Carolina Fernandes, de 17 anos, morreram ainda no local do desabamento.

De acordo com a Defesa Civil Municipal, o imóvel de três pavimentos foi construído sem embasamento técnico de engenheiro ou arquiteto. Acionada pelo Corpo de Bombeiros, uma equipe de técnicos foi até o local para vistoriar outros imóveis que poderiam ter sido atingidos por escombros. No terreno onde houve o desabamento, foram interditadas duas edificações de um pavimento cada, nos fundos e na frente da área.

Os dois feridos Rosemary Fernandes, de 42 anos, e um adolescente de 17 anos, que não foi identificado, foram encaminhados para o Hospital Municipal Salgado Filho.

A Defesa Civil ainda informa que, preventivamente, foi interditada uma casa situada na mesma rua. As investigações sobre o desabamento estão a cargo da Polícia Civil.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247