Ciclovia desaba no Rio e mata dois

Um trecho da ciclovia Tim Maia, na Avenida Niemeyer, inaugurada em janeiro, desabou na manhã desta quinta-feira, 21, levado pela ressaca do mar de São Conrado; segundo o Corpo de Bombeiros, quatro ciclistas caíram no mar: dois morreram e dois já foram resgatados com vida; a ciclovia, que é suspensa e junto ao mar, teve um pedaço de mais de 50 metros arrancado pela água

Um trecho da ciclovia Tim Maia, na Avenida Niemeyer, inaugurada em janeiro, desabou na manhã desta quinta-feira, 21, levado pela ressaca do mar de São Conrado; segundo o Corpo de Bombeiros, quatro ciclistas caíram no mar: dois morreram e dois já foram resgatados com vida; a ciclovia, que é suspensa e junto ao mar, teve um pedaço de mais de 50 metros arrancado pela água
Um trecho da ciclovia Tim Maia, na Avenida Niemeyer, inaugurada em janeiro, desabou na manhã desta quinta-feira, 21, levado pela ressaca do mar de São Conrado; segundo o Corpo de Bombeiros, quatro ciclistas caíram no mar: dois morreram e dois já foram resgatados com vida; a ciclovia, que é suspensa e junto ao mar, teve um pedaço de mais de 50 metros arrancado pela água (Foto: Valter Lima)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Um trecho da ciclovia Tim Maia, na Avenida Niemeyer, inaugurada em janeiro, desabou na manhã desta quinta-feira, 21, levado pela ressaca do mar de São Conrado. Segundo o Corpo de Bombeiros, quatro ciclistas caíram no mar: dois morreram e dois já foram resgatados com vida.

A ciclovia, que é suspensa e junto ao mar, teve um pedaço de mais de 50 metros arrancado pela água. 

A ciclovia custou R$ 44 milhões, tem 3,9 quilômetros, 2,5 metros de largura, vai do Leblon a São Conrado e foi inaugurada pelo prefeito Eduardo Paes (PMDB-RJ) no dia 17 de janeiro.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247