Colégio no Rio adota 'terceiro gênero' em vocabulário: 'querides alunes'

O colégio Franco-Brasileiro emitiu nesta quarta-feira (11) uma circular aos pais falando sobre o "compromisso com a promoção do respeito à diversidade e da valorização das diferenças no ambiente escola

Colégio Liceu Franco Brasileiro
Colégio Liceu Franco Brasileiro (Foto: Reprodução/Google Street View)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O Colégio Franco-Brasileiro, localizado no Rio de Janeiro, adotou a o terceiro gênero em seu vocabulário. Segundo o jornalista Ancelmo Gois, em sua coluna no jornal O Globo, o colégio emitiu nesta quarta-feira (11) circular aos pais falando sobre o "compromisso com a promoção do respeito à diversidade e da valorização das diferenças no ambiente escolar":

O jornalista ainda informa que o colégio adotou o "suporte institucional à adoção de estratégias gramaticais de neutralização de gênero em nossos espaços formais e informais de aprendizagem". A ideia é a neutralização de gênero gramatical adotando um conjunto de operações linguísticas voltadas tanto ao enfrentamento do machismo e do sexismo no "discurso quanto à inclusão de pessoas não identificadas com o sistema binário de gênero". O colégio,então, decidiu permitir a docentes e a estudantes que manifestem livremente sua identidade de gênero.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247