Covas gera aglomeração em vacinação de idosos e é alvo de protesto

Covas foi à UBS (unidade básica de saúde) de Santo Amaro, na zona sul, para prestigiar o início da vacinação do grupo acima de 90 anos. Entre imprensa, assessores e curiosos, o alto volume de pessoas incomodou alguns presentes.

Bruno Covas
Bruno Covas (Foto: Leon Rodrigues/SECOM)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - A visita do prefeito de São Paulo, Bruno Covas (PSDB), a uma unidade de saúde que vacinava idosos gerou aglomeração e reclamações na manhã desta sexta-feira (5). Entre imprensa, assessores e curiosos, o alto volume de pessoas incomodou alguns presentes.

A capital paulista adiantou a vacinação do grupo de 90 anos ou mais de segunda (8) para hoje. Covas foi à UBS (unidade básica de saúde) de Santo Amaro, na zona sul, para prestigiar o início.

"Falam que não pode nada, fase vermelha, e aqui está cheio, com um monte de idosos", reclamou Paulo Sergio, 64, que levou seu pai, Antônio, 92, para tomar a vacina, informou reportagem do portal UOL. 

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email