Covereadora Carol Iara, do PSOL, é vítima de atentado a tiros em São Paulo

Na madrugada desta quarta-feira (27), dois tiros foram disparados para dentro da residência da integrante da Bancada Feminista do PSOL na Câmara de São Paulo. Ela está bem e vai registrar Boletim de Ocorrência

www.brasil247.com -
(Foto: Reprodução)


247 - A covereadora da cidade de São Paulo pela Bancada Feminista do PSOL Carolina Iara foi vítima de um atentado a tiros na madrugada desta quarta-feira (27) na capital paulista. Dois tiros foram disparados para dentro de sua residência. 

Carol Iara, que é uma mulher negra intersexo e comentarista do programa Giro das 11, da TV 247, está bem e em segurança. Ela registrará Boletim de Ocorrência na Delegacia de Proteção a Pessoa às 15h30, na Rua Brigadeiro Tobias, 527.

A Bancada Feminista do PSOL foi eleita para a Câmara Municipal de São Paulo na eleição de outubro de 2020 com 46.267 votos. Além de Carol, fazem parte da bancada a professora Silvia Ferraro, a ativista Paula Nunes, a advogada Dafne Sena e a tradutora Natália Chaves.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

A deputada Sâmia Bomfim, líder do PSOL na Câmara, cobrou investigação e punição dos responsáveis. 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Cortes 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email