Deputado que quebrou a placa de Marielle vai disputar prefeitura do Rio

O senador Flávio Bolsonaro (PSL-RJ) lançou o deputado estadual Rodrigo Amorim como candidato do partido à Prefeitura do Rio em 2020; o agora pré-candidato ficou conhecido por ter quebrado a placa da ex-vereadora do Rio Marielle Franco (PSOL), assassinada a tiros em um homicídio ligado ao crime organizado

(Foto: Esq.: Tânia Rêgo - ABR)

247 - O senador Flávio Bolsonaro (PSL-RJ) lançou nesta sexta-feira (5) o deputado estadual Rodrigo Amorim como candidato do partido à Prefitura do Rio em 2020. O agora pré-candidato ficou conhecido por ter quebrado a placa da ex-vereadora do Rio Marielle Franco (PSOL), assassinada a tiros em março do ano passado, em um homicídio ligado ao crime organizado. 

Também vale ressaltar que, de acordo com da Assembleia Legislativa do Rio,  o filho do presidente Jair Bolsonaro foi o único a votar contra a proposta do então deputado estadual Marcelo Freixo para conceder a medalha Tiradentes em homenagem à vereadora. 

Outros nomes estão cotados para se candidatar à Prefeitura do Rio, são o prefeito Marcelo Crivella (PRB), e o pessolista, segundo colocado em 2016. O ex-prefeito Eduardo Paes (DEM) deve decidir apenas no ano que vem se vai concorrer.

O PSDB e o partido Novo devem ter candidato próprio. A deputada federal Clarissa Garotinho (PROS) também deve se lançar candidata.

Conheça a TV 247

Mais de Sudeste

Ao vivo na TV 247 Youtube 247