Desesperado com crescimento de Boulos, Covas assume discurso da extrema direita e menciona Cuba e Venezuela

O prefeito de São Paulo e candidato à reeleição, Bruno Covas, sentiu a pressão do crescimento da candidatura de Guilherme Boulos, do PSOL, apoiado por toda a esquerda e forças progressistas. O tucano partiu para o ataque com a retórica da extrema direita, mencionando supostos vínculos de Boulos com Cuba e Venezuela

Guilherme Boulos e Bruno Covas
Guilherme Boulos e Bruno Covas (Foto: Reprodução/TV Globo)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Em entrevista à CBN nesta terça (24) o prefeito Bruno Covas, candidato à reeleição pelo PSDB, atrelou Guilherme Boulos (PSOL)  apelou ao discurso da extrema direita e começou a acusar o adversário de vínculos aos governos de Cuba e Venezuela, 

Horas antes da entrevista à rádio, pesquisa Datafolha mostrou Boulos indo de 42% para 45% dos votos válidos, enquanto Covas oscilou de 58% para 55%, destaca o Painel da Folha de S.Paulo

Nos últimos dias de campanha, desesperado com o ascenso de Boulos, fica caracterizada a polarização entre as forças progressistas de um lado, apoiando Boulos, e a direita reacionária, com Bruno Covas.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247