Freixo desmente rumores e diz não ter dúvidas de que PT o apoiará na disputa pelo governo do RJ

O Globo havia informado que a possível candidatura de André Ceciliano (PT) dificultaria o apoio a Freixo

www.brasil247.com - Marcelo Freixo e Lula
Marcelo Freixo e Lula (Foto: Ricardo Stuckert)
Siga o Brasil 247 no Google News

247 - O deputado federal Marcelo Freixo (PSB), candidato ao governo do Rio de Janeiro, afirma não ter dúvidas de que o PT vai apoiá-lo na disputa. 

Em entrevista à equipe da coluna de Malu Gaspar, no Globo, Freixo disse que recebeu telefonemas da presidenta do PT, Gleisi Hoffmann, e do ex-ministro Fernando Haddad garantindo que, mesmo que a federação com o PSB não dê certo, ele terá o apoio do partido na eleição.

O Globo havia informado que a possível candidatura do presidente da Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj), André Ceciliano (PT) dificultaria o apoio a Freixo. Ceciliano disse publicamente que é pré-candidato ao Senado. 

PUBLICIDADE

"A direção nacional do PT está irritadíssima com essa bobagem", afirmou Freixo, em ligação. “Se tem um lugar que a gente não tem um problema entre o PT e o PSB é o Rio. Essa pedra não existe. O único significado disso (dos rumores) é abrir crise onde não precisa. Isso não faz o menor sentido. A militância do PT está muito próxima (do PSB) porque construímos essa pré-candidatura juntos”, disse.

A justificativa é sua liderança nas pesquisas. Segundo a última Quaest, ele aparece com 25%, à frente do governador Cláudio Castro (PL), com 16%, e do ex-prefeito de Niterói Rodrigo Neves (PDT), com 7%. Freixo também lidera no cenário com o vice-presidente Hamilton Mourão (PRTB). Neste caso, Mourão fica em segundo lugar, com 17%, e Castro cai para a terceira posição, com 12%.

PUBLICIDADE

“Não tem o menor cabimento abrir mão de uma candidatura que amplia o PT, fortalece uma aliança que é importante nacionalmente, com um candidato com fortes chances de chegar ao segundo turno para um nome que não aparece com pontuação alguma”, disse.

O deputado atribuiu o episódio a "pessoas do entorno” que querem ver a aliança fracassar. “Ceciliano foi o primeiro a me ligar de manhã cedo desmentindo. Ele é candidato ao Senado. É o que ele e a militância (do PT) dizem. Não vou gastar um milímetro de energia com o que não existe. Agora, existem pessoas que não têm interesse que nossa campanha cresça”, disse.

PUBLICIDADE

Embora reconheça os entraves da negociação entre PT e PSB em São Paulo, Freixo acredita que a federação entre os partidos vai sair.

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

PUBLICIDADE

Cortes 247

PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email