Funcionários do Detran entram em greve em municípios do Rio

Funcionários de 15 postos do Detran entraram em greve em várias regiões do estado do Rio de Janeiro em consequência de salários atrasados; em municípios como Angra dos Reis, Volta Redonda, Resende e Nilópolis a entrega dos serviços de habilitação está paralisada; o Detran informou que o setor de habilitação é responsabilidade da empresa Prol, terceirizada

Funcionários de 15 postos do Detran entraram em greve em várias regiões do estado do Rio de Janeiro em consequência de salários atrasados; em municípios como Angra dos Reis, Volta Redonda, Resende e Nilópolis a entrega dos serviços de habilitação está paralisada; o Detran informou que o setor de habilitação é responsabilidade da empresa Prol, terceirizada
Funcionários de 15 postos do Detran entraram em greve em várias regiões do estado do Rio de Janeiro em consequência de salários atrasados; em municípios como Angra dos Reis, Volta Redonda, Resende e Nilópolis a entrega dos serviços de habilitação está paralisada; o Detran informou que o setor de habilitação é responsabilidade da empresa Prol, terceirizada (Foto: Leonardo Lucena)

Rio 247 - Funcionários de 15 postos do Detran entraram em greve em várias regiões do estado do Rio de Janeiro nesta quarta-feira (4) em consequência de salários atrasados. Em municípios como Angra dos Reis, Volta Redonda, Resende e Nilópolis a entrega dos serviços de habilitação está paralisada. Como mostrou o Bom Dia Rio, o Detran informou que o setor de habilitação é responsabilidade da empresa Prol, terceirizada. 

A empresa afirma que pagou os salários, mas que os benefícios de vale transporte e vale refeição, pagos semanalmente, estão atrasados. A empresa informou que regularizará o pagamento até esta quarta.

Além dos postos paralisados, outros estão funcionando parcialmente: São João de Meriti, Queimados, Japeri, Itaguaí, Campo Grande Madureira e Penha.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247