João Coser: Delegado Pazolini é bolsonarista e tenta esconder porque sabe que isso o prejudica

"Candidatos apoiados pelo presidente perderam de forma vergonhosa nessas eleições. Ele vai esconder o perfil e a história", disse o candidato do PT a prefeito de Vitória

João Coser
João Coser (Foto: Reprodução/Facebook)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O candidato a prefeito de Vitória, capital do Espírito Santo, pelo PT, João Coser, disse à Folha de S. Paulo que seu adversário, o candidato Delegado Pazolini (Republicanos), representa o campo da extrema direita e de Jair Bolsonaro.

Segundo Coser, Pazolini não se assume bolsonarista e nem se associa à figura do chefe do Executivo nacional porque sabe que isto lhe prejudica, já que o desgaste do bolsonarismo é visível.

"A estrutura da outra candidatura é focada nos modelos nacionais. O nosso campo é democrático, progressista, de esquerda. É só ver a migração natural dos apoios. Eles estão no campo da direita, da extrema direita, muito Bolsonaro. Dois fatores: ele é inteligente, sabe que isso é muito ruim para ele. Ele tenta se esquivar disso, apesar de ter perfil e todas as características. E outra: ele sabe que o declínio do bolsonarismo é visível. Candidatos apoiados pelo presidente perderam de forma vergonhosa nessas eleições. Ele vai esconder o perfil e a história. Ele esteve com equipe de Damares para não permitir que uma criança abortasse. Foi na ocupação de um hospital quando Bolsonaro pediu. Seguiu orientação do Bolsonaro, quando determinou que entrassem em hospitais", falou.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247