Morre idosa que entrou na Justiça por vaga no CTI

Pensionista Eda Nascimento de Aquino estava internada desde o domingo (23) no Hospital municipal Miguel Couto, no Leblon, na Zona Sul, mas no resistiu; ela enfrentouperegrinao por cinco unidades de sade do estado sem receberatendimento



Rio 247 _ Morreu na manha desta segunda-feira (24) a idosa de 75 anos que precisou entrar na Justiça para conseguir uma vaga em uma UTI no Rio. A pensionista Eda Nascimento de Aquino estava internada desde o domingo (23) no Hospital municipal Miguel Couto, no Leblon, na Zona Sul. A idosa, que sofria com fortes dores abdominais, enfrentou uma peregrinação por cinco unidades de saúde do estado sem receber o atendimento.  A informação foi confirmada pela Secretaria municipal de Saúde.

A idosa foi acolhida em estado grave no Hospital Geral da Santa Casa de Misericórdia, no Centro, e só conseguiu vaga ma unidade intensiva depois de a Justiça ameaçar os secretários de Saúde do município e do estado de prisão por crime de desobediência. Mas o hospital não tinha estrutura adequada para atendê-la. Parentes ainda tentaram uma solução na sexta-feira, no Plantão Judiciário, que determinou que a paciente seria removida para uma unidade da Barra em uma hora, mas ela não resistiu.

O conhecimento liberta. Quero ser membro. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

Cortes 247

WhatsApp Facebook Twitter Email