Motociata de Bolsonaro teve queda de 44% em relação a 2021

Monitoramento de pedágios no sistema das rodovias Anhanguera-Bandeirantes registrou 3,7 mil motos, ante 6.661 veículos em junho do ano passado

www.brasil247.com - Motociata de Bolsonaro em SP
Motociata de Bolsonaro em SP (Foto: Reprodução)


247 - A motociata liderada por Jair Bolsonaro nesta sexta-feira 15 em São Paulo teve 3.703 veículos registrados pelo monitoramento de pedágios no sistema das rodovias Anhanguera-Bandeirantes, segundo reportagem da Folha de S.Paulo.

Os dados são das praças de pedágio da concessionária AutoBan, registrados nas praças de pedágio de Campo Limpo, Itupeva e Sumaré, cidades do interior de São Paulo.

Na motociata protagonizada por Bolsonaro em São Paulo em junho do ano passado, houve o registro de 6.661 veículos – 44% a mais que na desta sexta.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Nas redes sociais, bolsonaristas tentaram inflar os números. “O que vão inventar agora para diminuir a maior motociata de um político da história mundial provavelmente?”, indagou o deputado federal Eduardo Bolsonaro (PL-SP).

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O governo paulista estimou que a motociata custaria cerca de 1 milhão de reais aos cofres públicos. Segundo a Secretaria de Segurança Pública, haveria um reforço no policiamento para a manifestação, com um efetivo de mais de 1.900 policiais militares.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Cortes 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email