CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
Sudeste

MP Eleitoral não acata argumentos da defesa e reforça pedido de cassação de Cláudio Castro

A ação em questão denuncia suposto abuso de poder político e econômico nas eleições de 2022

Cláudio Castro (Foto: Tomaz Silva / Agência Brasil)
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

✅ Receba as notícias do Brasil 247 e da TV 247 no canal do Brasil 247 e na comunidade 247 no WhatsApp.

247 - O Ministério Público Eleitoral rejeitou, nesta terça-feira (2), a argumentação da defesa do governador do Rio de Janeiro, Cláudio Castro, na ação que pede a cassação de sua chapa com o vice-governador Thiago Pampolha, informa a coluna do Guilherme Amado no portal Metrópoles. O órgão, ainda, reiterou o posicionamento favorável à cassação.

A ação em questão denuncia suposto abuso de poder político e econômico nas eleições de 2022, no caso do suposto uso de funcionários fantasmas no Ceperj com a finalidade de comprar apoio político. 

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

A defesa afirmava que o MP Eleitoral não tem competência para realizar tal denúncia. De acordo com a versão de Castro, é o Ministério Público Estadual que deve atuar no caso, por se enquadrar em possível acusação de improbidade administrativa. O MP Eleitoral, no entanto, não acatou tal argumentação.

iBest: 247 é o melhor canal de política do Brasil no voto popular

Assine o 247,apoie por Pix,inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

Relacionados

Carregando os comentários...
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Cortes 247

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO