MPL realiza 2º ato contra aumento do transporte nesta quinta em SP

O ato marcado para esta quinta-feira (9) também protesta contra a redução de linhas e viagens de ônibus prevista em licitação da gestão de Bruno Covas (PSDB)

Passe Livre foi criado em 2005 como um movimento social autônomo que reivindica um transporte público gratuito
Passe Livre foi criado em 2005 como um movimento social autônomo que reivindica um transporte público gratuito (Foto: Rovena Rosa/Agência Brasil)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Blog do Esmael - O Movimento Passe Livre (MPL) realiza o segundo ato contra o aumento das tarifas do transporte público em São Paulo para a tarde desta quinta-feira (9), na Praça da Sé, região do centro velho de São Paulo.

O primeiro ato do MPL ocorreu na terça-feira (7), sem grandes incidentes, e reuniu cerca de mil manifestantes.

“Em 1º/01 as #Passagens de ônibus, metrô e trem em São Paulo/SP passaram de R$4,30 para R$4,40, e a integração entre os modais de R$ 7,48 para R$ 7,65. Em resposta, o #MPL convocou #Manifestação”, registra o evento no perfil do Facebook do MPL-SP.

O ato desta quinta também protesta contra a redução de linhas e viagens de ônibus prevista em licitação da gestão de Bruno Covas (PSDB).

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como:

• Cartão de crédito na plataforma Vindi: acesse este link

• Boleto ou transferência bancária: enviar email para [email protected]

• Seja membro no Youtube: acesse este link

• Transferência pelo Paypal: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Patreon: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Catarse: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Apoia-se: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Vakinha: acesse este link

Inscreva-se também na TV 247, siga-nos no Twitter, no Facebook e no Instagram. Conheça também nossa livraria, receba a nossa newsletter e ative o sininho vermelho para as notificações.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247