“Não sou juiz nem poderoso”, diz pai de moça que humilhou vendedores no Rio

Apesar de ter dito que pai era juiz, mulher que aparece em vídeo que viralizou é filha de geólogo aposentado

(Foto: Reprodução)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Do Metropoles - O caso da mulher que humilhou trabalhadores de um quiosque no Leblon, no Rio de Janeiro viralizou nas redes sociais nessa quinta-feira (20/8). Nas imagens gravadas pelo funcionário do estabelecimento Julio Quintanilha, ela afirma ser “filha de homem poderoso” enquanto xinga os trabalhadores.

No entanto, o pai da mulher informou, em entrevista ao jornal O Globo, que não é juiz. “Eu não sou poderoso, não sou nada. Só sou um aposentado. Liguei para o quiosque e pedi desculpas, é o que eu posso fazer. Mas não estou justificando o que minha filha fez”, disse.

Ele afirmou ainda que, neste momento, a filha está internada em uma clínica para tratamento de dependência química.

Continue lendo no Metropoles

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

Cortes 247

WhatsApp Facebook Twitter Email