Passageiros apedrejam trem com defeito no Rio

Um trem da SuperVia que seguia de Belford Roxo para o centro do Rio apresentou defeito foi apedrejado e teve alguns equipamentos incendiados pelos passageiros por volta das 7h40 de hoje (13); a composição tinha deixado a cidade da Baixada Fluminense e parou por uma "ocorrência no sistema de tração" de acordo com nota divulgada pela concessionária

Um trem da SuperVia que seguia de Belford Roxo para o centro do Rio apresentou defeito foi apedrejado e teve alguns equipamentos incendiados pelos passageiros por volta das 7h40 de hoje (13); a composição tinha deixado a cidade da Baixada Fluminense e parou por uma "ocorrência no sistema de tração" de acordo com nota divulgada pela concessionária
Um trem da SuperVia que seguia de Belford Roxo para o centro do Rio apresentou defeito foi apedrejado e teve alguns equipamentos incendiados pelos passageiros por volta das 7h40 de hoje (13); a composição tinha deixado a cidade da Baixada Fluminense e parou por uma "ocorrência no sistema de tração" de acordo com nota divulgada pela concessionária (Foto: Leonardo Lucena)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Vinícius Lisboa
Repórter da Agência Brasil

Rio de Janeiro - Um trem da SuperVia que seguia de Belford Roxo para o centro do Rio apresentou defeito foi apedrejado e teve alguns equipamentos incendiados pelos passageiros por volta das 7h40 de hoje (13). A composição tinha deixado a cidade da Baixada Fluminense às 7h e parou por uma "ocorrência no sistema de tração" de acordo com nota divulgada pela concessionária.

O incidente ocorreu a 700 metros da estação Honório Gurgel, na zona norte, e interrompeu a circulação no ramal por 30 minutos. Com o trem parado, os passageiros desceram irregularmente na linha férrea, segundo a SuperVia, enquanto o maquinista "realizava os procedimentos para restabelecer o sistema".

O Grupamento de Polícia Ferroviária, a Polícia Militar e o Corpo de Bombeiros foram acionados pela concessionária. A circulação de trens está suspensa temporariamente em parte do ramal Belford Roxo, com tráfego liberado apenas entre as estações Mercadão de Madureira e Central do Brasil.

O ramal Belford Roxo foi um dos que não operaram em consequência da chuva de quarta-feira (11), que deixou mais de 3 mil desabrigados na Baixada Fluminense. De acordo com a SuperVia, a circulação já tinha sido normalizada e não há reflexos do temporal no serviço.

 

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247