PF prende ex-governador Garotinho

O ex-governador do Rio Anthony Garotinho foi preso pela Polícia Federal na manhã de hoje, por volta de 10h30, enquanto apresentava seu programa diário na Rádio Tupi, em São Cristóvão; agentes da PF cumpriram mandado de prisão domiciliar e o ex-governador está sendo levado para Campos; defesa repudiou motivos apresentados para prisão

dep. Anthony Garotinho
dep. Anthony Garotinho (Foto: Leonardo Attuch)

Rio 247 - O ex-governador do Rio Anthony Garotinho foi preso pela Polícia Federal na manhã de hoje, por volta de 10h30, enquanto apresentava seu programa diário na Rádio Tupi, em São Cristóvão.

Os agentes da PF cumpriram mandado de prisão domiciliar e o ex-governador está sendo levado para Campos.

Leia nota do advogado de defesa de Garotinho, Carlos Azeredo:

"A defesa do ex-governador Anthony Garotinho repudia os motivos apresentados para a prisão do ex-governador e entende que a decisão de mantê-lo preso em casa, em Campos, tem a intenção de privá-lo de seu trabalho na Rádio Tupi e em seus canais digitais e, com isso, evitar que ele continue denunciando políticos criminosos importantes, alguns deles que já foram até presos. A defesa nega as acusações imputadas a ele e informa que ele nunca nem foi acusado de roubo ou corrupção. O processo fala de suspeitas infundadas de compra de votos, o que por si só não justifica prisão.

A defesa afirma que a prisão domiciliar, além de não ter base legal, causa danos à sua família já que o impede de exercer sua profissão de radialista e sustentar sua família. A defesa do ex-governador irá recorrer da decisão."

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247