PM apreende fuzil AK-47 na comunidade do Vidigal

Com a apreenso, sobe para 75 o nmero de fuzis recuperados at o momento na operao denominada Choque de Paz, que comeou na madrugada do ltimo domingo (13)

Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Rio_247– A Polícia Militar apreendeu hoje (17) um fuzil AK-47 e 146 munições para calibre 7.62 na comunidade do Vidigal, zona sul do Rio, informou a Secretaria Estadual de Segurança Pública. A arma e as munições estavam escondidas dentro de uma bolsa para instrumento musical. Com a apreensão, sobe para 75 o número de fuzis recuperados até o momento na operação denominada Choque de Paz, que começou na madrugada do último domingo (13).

Desde o início da operação, foram apreendidos 146 motos e dois carros nas comunidades da Rocinha, Chácara do Céu e Vidigal. Os policiais também encontraram 62 máquinas caça-níqueis e 47 radiotransmissores, além de várias baterias e carregadores.

O número de armas de fogo (carabinas, espingardas, fuzis, lança-rojões, metralhadoras, pistolas e submetralhadoras) apreendidas na operação chega a 132. Até o momento, os policiais também apreenderam cerca de 24 mil munições.

Durante a operação, segundo a secretaria, a polícia apreendeu 165 quilos (kg) de cocaína, 127 kg de maconha e 60 kg de pasta base de coca. Foram apreendidas também 135 pedras de crack e 38 comprimidos de ecstasy.

Ainda de acordo com o balanço da secretaria, a polícia fechou três centrais de TV a cabo clandestina e apreendeu 17 receptores e quatro decodificadores. Durante a operação também foram recuperados uniformes de policiais.

 

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email